Meteorologia

  • 05 OUTUBRO 2022
Tempo
29º
MIN 16º MÁX 30º

Incêndios. "É criminoso o que continua a acontecer ao património natural"

A líder do PAN considerou que Portugal está refém de setores que estão a "penhorar a preservação da natureza e biodiversidade".

Incêndios. "É criminoso o que continua a acontecer ao património natural"

A líder do partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) comentou, esta quinta-feira, a situação dos incêndios em Portugal, horas depois de um fogo no concelho da Covilhã obrigar à mobilização de cerca de 1.500 bombeiros.

"É criminoso o que ano após ano continua a acontecer ao património natural do nosso país, fruto dos interesses económicos que prevalecem e da falta de prevenção", escreveu Inês Sousa Real no Twitter.

Sublinhando que três bombeiros ficaram feridos, assim como um sapador florestal, a responsável apontou ainda que "10,7% do Parque Natural da Serra da Estrela" já tinha sido destruído por este incêndio.

Citando o presidente da Associação Amigos da Serra da Estrela, a líder partidária notou que "grandes áreas do parque têm estado vulneráveis às dinâmicas económicas do ser humano, pouco preocupadas com a conservação" e referiu-se ainda à questão da exploração de lítio, um dos temas que o partido tem colocado em cima da mesa. "Não podemos esquecer os interesses que existem na exploração de lítio na região", reiterou.

"Portugal não pode continuar refém dos interesses de meia dúzia de sectores que, ainda para mais, estão a penhorar a nossa qualidade de vida e a preservação da natureza e biodiversidade", rematou, apontando o dedo ao Governo de António Costa. "Uma maioria absoluta não tem qualquer desculpa para não fazer o que tem de ser feito", criticou.

Leia Também: Encontrada em Sintra militar de 23 anos que estava desaparecida

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório