Meteorologia

  • 06 JULHO 2022
Tempo
29º
MIN 17º MÁX 31º

Portugal já vacinou mais de meio milhão de estrangeiros contra a Covid-19

A ministra da Saúde salientou que “Portugal tem uma longa tradição de programas de vacinação, independentemente da nacionalidade ou condição económica, social e cultural”.

Portugal já vacinou mais de meio milhão de estrangeiros contra a Covid-19
Notícias ao Minuto

19:15 - 25/05/22 por Notícias ao Minuto

País Marta Temido

A ministra da Saúde, Marta Temido, revelou na terça-feira, no âmbito da 75.ª Assembleia Anual da Organização Mundial da Saúde (OMS), que Portugal já vacinou mais de meio milhão de cidadãos estrangeiros contra a Covid-19.

“Já vacinámos quase 600 mil estrangeiros contra a Covid-19 em Portugal”,  afirmou Marta Temido na Assembleia Anual, que decorre em Genebra, na Suíça.

Segundo uma nota publicada no site do Serviço Nacional de Saúde (SNS), a ministra, numa reunião paralela promovida pela OMS Europa dedicada à promoção da saúde dos migrantes, “realçou o facto de se ter promovido a vacinação de forma ágil e eficiente, permitindo imunizar mais de 598 mil estrangeiros contra a Covid-19”.

“Sabíamos que os migrantes sem documentos enfrentariam barreiras, por isso antecipámos duas soluções: acesso à vacinação apenas com um documento de identidade e alocação de equipas para vacinar nas comunidades”, afirmou, acrescentando que “Portugal tem uma longa tradição de programas de vacinação, independentemente da nacionalidade ou condição económica, social e cultural”.

Marta Temido frisou também que Portugal é um país acolhedor de migrantes, “a quem garante cobertura universal de saúde nas mesmas condições que aos nacionais”. 

Sobre a invasão russa da Ucrânia, a ministra revelou que desde o início do conflito, “Portugal já acolheu cerca de 40.000 deslocados e que todos tiveram oportunidade de vacinação”.

Já na segunda-feira, no âmbito da mesma Assembleia, Marta Temido afirmou a disponibilidade do Governo para prosseguir com a doação de medicamentos e produtos médicos à Ucrânia, assim como para Portugal acolher doentes e refugiados da invasão russa.

Leia Também: Temido afasta para já máscara obrigatória e testes gratuitos em farmácias

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório