Meteorologia

  • 04 JULHO 2022
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 28º

Autópsia de Rendeiro realizada. Resultados só serão divulgados à família

O ex-banqueiro foi encontrado morto dentro da cela na prisão de Westville, em Durban, onde estava detido na África do Sul.

Autópsia de Rendeiro realizada. Resultados só serão divulgados à família
Notícias ao Minuto

12:05 - 17/05/22 por Beatriz Maio com Lusa

País Justiça

A autópsia de João Rendeiro já foi realizada, na manhã desta terça-feira, na presença da polícia da África do Sul (SAPS). Segundo a CNN Portugal os resultados apenas serão divulgados à família do ex-banqueiro, de 69 anos. A SIC Notícias, por outro lado, cita o cônsul honorário na África do Sul, que indica que estes serão entregues, também, à Interpol.

A médica-legista consultada pela CNN revelou, à mesma estação de televisão, que o procedimento médico, coadjuvado por técnicos da morgue de Pinetown, subúrbios da cidade portuária de Durban, começou às 10h30 e decorreu ao longo de duas horas para "tirar várias fotografias e fazer vários testes", sendo que o corpo do ex-banqueiro poderá ser trasladado para Portugal "ainda esta semana".

Fonte da morgue disse à Lusa que o corpo de João Rendeiro se encontra na morgue "pronto para ser recolhido", acrescentando que a instituição "não tem ideia quem o irá fazer, se algum familiar ou as autoridades portuguesas".

O agendamento para esta terça-feira teve em consideração a conciliação com a disponibilidade da médica-legista, considerada importante para acompanhar o caso, estando os cuidados em torno do procedimento relacionados com as investigações em curso, de acordo com fonte forense ouvida pela Lusa.

Apenas Maria de Jesus Rendeiro, a viúva de João Rendeiro, poderá pedir o relatório e tornar os resultados da autópsia públicos. Este exame deverá determinar as causas da morte e excluir hipóteses em investigação pelas autoridades, sendo os resultados depois anexados ao processo policial.

O antigo presidente do BPP estava detido na África do Sul desde dia 11 de dezembro de 2021, após três meses de fuga à justiça portuguesa para não cumprir pena de prisão em Portugal.

Leia Também: Rendeiro. Bens apreendidos deverão ser entregues ao MP e podem ter pistas

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório