Meteorologia

  • 18 MAIO 2022
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 25º

Morte de recluso em Alcoentre não foi causada por "lesões traumáticas"

Os exames complementares "serão concluídos com a maior brevidade possível."

Morte de recluso em Alcoentre não foi causada por "lesões traumáticas"
Notícias ao Minuto

16:22 - 17/01/22 por Notícias ao Minuto

País Alcoentre

A morte de um recluso do Estabelecimento Prisional de Alcoentre, encontrado inanimado na cela no dia 11 de janeiro, não revelam “lesões traumáticas causadoras da morte”, anuncia o Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses (INMLCF).

“Em referência à noticia da morte de um cidadão recluso no Estabelecimento Prisional de Alcoentre, cuja autópsia médico-legal foi realizada no dia 12 de janeiro, o INMLCF informa que os dados preliminares da autópsia não revelam lesões traumáticas causadoras da morte, tendo sido realizadas colheitas para a concretização de exames complementares laboratoriais”, lê-se no comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso.

O organismo adianta que os exames complementares “serão concluídos com a maior brevidade possível, de forma a que o relatório de autópsia possa ser enviado com celeridade para o Ministério Público.”

Recorde-se que, depois de encontrado, o recluso terá sido assistido pela enfermeira e pelo médico de serviço no estabelecimento, que declararam o óbito.

Além disso, foi aberto um inquérito interno a cargo do Serviço de Auditoria e Inspeção (Sul), segundo a Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP).

A instituição negou ainda as alegações da Associação Portuguesa de Apoio ao Recluso de que o detido sofreu surtos psicóticos durante três dias, sem a devida assistência médica, assegurando que o mesmo se encontrava sob acompanhamento clínico. Na verdade, de acordo com a DGRSP, tinha-lhe sido diagnosticada escabiose, o que obrigava a que não interagisse com a população reclusa.

Leia Também: Recluso morre no Estabelecimento Prisional de Alcoentre

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório