Meteorologia

  • 27 MAIO 2022
Tempo
32º
MIN 16º MÁX 35º

Testou positivo à Covid? Eis o que tem de fazer (consoante os sintomas)

Fique a par do que fazer se testou positivo com um autoteste ou com um teste PCR. A Direção-Geral de Saúde explica o que fazer se tem sintomas leves, moderados ou graves.

Testou positivo à Covid? Eis o que tem de fazer (consoante os sintomas)
Notícias ao Minuto

16:15 - 12/01/22 por Notícias ao Minuto

País Covid-19

O Governo publicou, nas redes sociais, recomendações do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e da Direção-Geral da Saúde (DGS) acerca do que fazer se testou positivo à Covid-19 - e consoante os sintomas são leves, moderados ou graves

Comecemos pela forma pela qual teve um resultado positivo. Se foi através de um autoteste, saiba que deve "agendar um teste antigénio (TRAg) numa farmácia ou laboratório perto de si". Se não conseguir num prazo de 24 horas, deve contactar o SNS24, através do número 808 24 24 24. 

Já se soube que está infetado com o novo coronavírus por meio de um teste rápido de antigénio ou PCR, realizado numa farmácia ou laboratório, a indicação é clara: "aguarde a mensagem do SNS 24". 

Em qualquer dos casos, "mantenha-se em isolamento no domicílio". "Preencha o formulário eletrónico, enviado por SMS, identificando os seus coabitantes" e, é recordado, "terá uma declaração de isolamento, para justificar a ausência ao trabalho". 

E quanto aos sintomas?

Se tem sintomas ligeiros, "fica em isolamento sete dias após o início dos sintomas, em autocuidado e automonitorização de sintomas", explica o Governo, frisando que "não está previsto acompanhamento por profissional de saúde". O isolamento "termina após os sete dias, sem necessidade de novo teste". 

Já se por outro lado, em sintomas moderados ou graves, as recomendações das autoridades de saúde vão no sentido de ficar em "isolamento, pelo menos, dez dias". Deve ligar para o SNS 24 ou para o 112 se tiver, entre outros sintomas: 

  • Tosse com expetoração; 
  • Febre por mais de 48 horas; 
  • Febre superior a 40ºC; 
  • Dificuldade em respirar; 
  • Dor no peito; 
  • Vómitos ou diarreia persistentes. 

Se estiver nesta condição, terá "acompanhamento clínico - por telefone e/ou presencial - durante o período de isolamento". Este termina "apenas de acordo com indicação médica". 

Se testou positivo mas não tem sintomas, "fica em isolamento sete dias após a data do teste, em autocuidado e automonitorização de sintomas". Nesta situação também não está previsto um acompanhamento por um profissional de saúde. 

Por fim, "terminado o isolamento", o SNS e a DGS indicam que o cidadão "poderá retomar a sua vida habitual, mantendo os cuidados recomendados para a população em geral". 

Leia Também: AO MINUTO: UCI próximas da linha vermelha; Surto com 84 infetados

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório