Meteorologia

  • 19 AGOSTO 2022
Tempo
22º
MIN 22º MÁX 37º

Açores com cinco postos de testagem rápida na quinta e sexta-feira

Os Açores vão ter cinco postos de despiste do coronavírus SARS-CoV-2, com testes rápidos de antigénio, a funcionar na quinta e na sexta-feira nas ilhas Terceira e São Miguel, anunciou hoje o secretário regional da Saúde.

Açores com cinco postos de testagem rápida na quinta e sexta-feira
Notícias ao Minuto

19:08 - 29/12/21 por Lusa

País Covid-19

"A procura aos testes tem sido muito grande. As farmácias, por si só, revelaram não ter capacidade para resolver a situação. Os laboratórios não aderiram imediatamente, porque são processos administrativos e burocráticos, e a região assume essa testagem", afirmou o titular da pasta da Saúde nos Açores, Clélio Meneses, em declarações aos jornalistas.

Os postos de testagem gratuitos vão funcionar sem necessidade de marcação prévia.

Já hoje, abriu um posto de testagem num pavilhão junto ao Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, que deverá funcionar até sexta-feira, entre as 14:00 e as 20:00.

Também em Ponta Delgada, será aberto um novo posto de testagem da Unidade de Saúde de Ilha de São Miguel, em colaboração com o município, no Pavilhão Carlos Silveira, junto à Escola da Mãe de Deus, que funcionará entre as 10:00 e as 17:30, na quinta e na sexta-feira.

A Câmara Municipal da Ribeira Grande, na ilha de São Miguel, já anunciou que irá disponibilizar, na quinta-feira, entre as 10:30 e as 18:00, testes de antigénio gratuitos no Teatro Ribeiragrandense.  

Na ilha Terceira, serão abertos dois postos de testagem pela Unidade de Saúde de Ilha, em colaboração com os dois municípios da ilha, com os Bombeiros Voluntários da Praia da Vitória e com a Cruz Vermelha.

Em Angra do Heroísmo, o centro de testagem funcionará no parque multissetorial da Vinha Brava e, na Praia da Vitória, no pavilhão de artes marciais, junto ao estádio municipal.

Estarão abertos entre as 09:00 e as 18:00 na quinta-feira e entre as 09:00 e as 16:00 na sexta-feira.

"Está a haver aqui um esforço de várias entidades, que tem vindo a ser trabalhado nos últimos dias e que está a produzir efeitos já no sentido de promover a proteção das pessoas no sentido da testagem", frisou Clélio Meneses.

No dia 24 de dezembro, a Unidade de Saúde de Ilha de São Miguel já tinha promovido uma testagem em regime de casa aberta no Coliseu Micaelense, em Ponta Delgada.

Segundo o secretário regional da Saúde, para já esta testagem vai decorrer "nesta época onde há maior intensidade de procura de testes", mas é possível que "se prolongue por mais alguns dias".

O executivo açoriano comparticipa um teste rápido de antigénio por semana em farmácias, mas apenas 14 em quatro ilhas (São Miguel, Terceira, Pico e Santa Maria) aderiram ao protocolo.

Clélio Meneses estima anunciar, na próxima semana, o alargamento deste protocolo a laboratórios.

"Os laboratórios já estão a aderir. Na próxima semana podemos anunciar já uma lista mais substancial de laboratórios e clínicas que entretanto aderiram", avançou.

Questionado sobre o custo destes protocolos, o titular da pasta da Saúde disse não ter esse montante quantificado.

"Estamos a falar de valores avultados que estão a ser quantificados, mas neste momento não consigo apurar o que já está gasto e o que vai ser gasto, porque também depende muito da evolução da pandemia. Há três meses ninguém imaginaria que estivéssemos neste esforço intenso de testagem", adiantou.

O executivo açoriano adquiriu 250 mil testes rápidos de antigénio, que cede às farmácias, pagando também um valor, que Clélio Meneses não especificou, por cada teste realizado.

Leia Também: AO MINUTO: "Tsunami de casos"; Há 92 reclusos infetados nas prisões

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório