Meteorologia

  • 07 DEZEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

Criticada montagem de estações de bicicletas sobre passeios em Aveiro

A Associação para a Mobilidade Urbana em Bicicleta (MUBI) e a Associação dos Cegos e Amblíopes de Portugal (ACAPO) apelaram hoje à Câmara de Aveiro para que evite instalar estações das bicicletas sobre os passeios.

Criticada montagem de estações de bicicletas sobre passeios em Aveiro
Notícias ao Minuto

21:03 - 25/11/21 por Lusa

País Mubi

Aquelas duas entidades, numa posição conjunta, defendem que "as infraestruturas e equipamentos para a utilização da bicicleta devem ser implementados em espaço retirado ao automóvel, como as associações têm vindo a alertar, e tal como indicam os manuais de boas práticas na área da mobilidade".

"Não podemos aceitar que as estruturas das estações da nova BUGA (bicicletas de utilização gratuitas de Aveiro) estejam, em muitos dos locais da rede, a ser instaladas em passeios", protestam aquelas associações. 

"Como indicam os manuais nesta área, e tal como a Mubi já por diversas vezes alertou a autarquia, as infraestruturas e equipamentos para utilização da bicicleta devem ser instalados em espaço retirado ao automóvel, por exemplo, eliminando lugares de estacionamento", sugerem. 

A colocação desses equipamentos em cima dos passeios, criticam, "prejudica todas as pessoas que andam a pé, mas principalmente aquelas com deficiência ou mobilidade reduzida, e muito especialmente pessoas com deficiência visual, dada a sua maior dificuldade em ultrapassar obstáculos ou mesmo aperceber-se da sua presença".

Rui Igreja, dirigente da Mubi e coordenador da secção local de Aveiro, realça que "colocar bicicletas nos passeios ou espaços pedonais é um erro, criando conflitos entre peões e utilizadores de bicicleta e passando a mensagem de que o carro é intocável".

Já o presidente da delegação da ACAPO do distrito de Aveiro, Jorge Anjos, acrescenta: "tanto a Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, como a legislação nacional preveem a identificação e eliminação de obstáculos e barreiras na via pública e ao colocar estações de bicicletas no passeio, a Câmara de Aveiro está a fazer o oposto daquilo que é exigido por lei".

A lusa tentou obter esclarecimentos sobre a situação junto da Câmara de Aveiro, não os tendo obtido em tempo útil.

Leia Também: MUBi: Mobilidade nas cidades exige liberdade de escolha de transporte

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório