Meteorologia

  • 17 SETEMBRO 2021
Tempo
20º
MIN 18º MÁX 26º

Edição

Marcelo elogia vacinação e "boa decisão" do Governo de aliviar restrições

"Os números têm dado razão a essa postura do Governo e espero que a vacinação vá avançando de acordo com as prioridades que estão definidas, incluindo, até ao limite possível, a população portuguesa", apontou o Presidente da República.

Marcelo elogia vacinação e "boa decisão" do Governo de aliviar restrições

O Presidente Marcelo Rebelo de Sousa, a partir do Palácio de Belém, em Lisboa, fez uma declaração onde falou acerca da vacinação contra a Covid-19 em Portugal para "felicitar a forma como está a avançar, muito rapidamente"

"Os passos dados, estava no Brasil quando foi tomada pelo Governo a decisão - e uma boa decisão - de abrir mais a Economia e a sociedade portuguesa. Os números têm dado razão a essa postura do Governo e espero que a vacinação vá avançando de acordo com as prioridades que estão definidas, incluindo, até ao limite possível, a população portuguesa", apontou ainda.

"Estamos a descer em idade, aumentando em percentagem à medida que desce a idade ainda não coberta", sublinhou o chefe de Estado, acrescentando estar "muito esperançado" que "seja rápida a vacinação dos que estão entre os 16 e os 17 anos, e que seja possível, ulteriormente, chegar-se àquilo que ainda não é para agora, mas que espero que venha a acontecer no futuro, nas idades entre os 12 e os 15 anos"

O Presidente sublinhou, aliás, que "já acontece na Madeira, mas espero que venha a acontecer nos Açores e no Continente". Considerou ainda que as dúvidas relativas à vacinação das crianças entre os 12 e 15 anos não são "tanto dúvidas de princípio, quanto de momento", afirmando que "tudo tem o seu tempo".

"As dúvidas que existem quanto à vacinação em idades mais baixas não são tanto dúvidas de princípio quanto de momento. Não se discute o princípio, diz-se que 'nesta fase ainda não'", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa.

"O que interessa é que a vacinação está a avançar e o vírus está, naturalmente, a recuar"

Questionado na mesma ocasião sobre se corremos o risco de voltar atrás, o Presidente da República considerou que "se está a criar uma dinâmica". "Não penso que haja o risco de haver recuos naquilo que interessa a todos", afirmou. 

De recordar que, o mais recente relatório da vacinação deu conta, esta terça-feira, de que 69% da população em Portugal já tem, pelo menos, uma dose da vacina - mais de sete milhões - e que 57% (5.851.054 milhões) já completou a vacinação contra a Covid-19.

Por faixas etárias, o destaque vai para a dos 18 aos 24 anos, com 20% já com uma dose e 12% concluiu a vacinação. A esta segue-se a faixa entre os 25 e os 49 anos, com 76% com uma dose e 50% com a vacinação concluída.

[Notícia atualizada às 16h45]

Leia Também: AO MINUTO: Mais de 50 surtos ativos em lares de idosos. Morreu criança cá

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório