Meteorologia

  • 01 AGOSTO 2021
Tempo
20º
MIN 16º MÁX 26º

Edição

Aumento de casos na Terceira leva hospital a suspender visitas a doentes

O Hospital de Santo Espírito, na Terceira, Açores, suspendeu hoje as visitas a doentes e a Câmara de Angra do Heroísmo cancelou eventos devido ao atual contexto epidemiológico naquela ilha, após registo de 38 novos casos de Covid-19.

Aumento de casos na Terceira leva hospital a suspender visitas a doentes
Notícias ao Minuto

20:26 - 21/07/21 por Lusa

País Açores

"Considerando o atual contexto epidemiológico na Ilha Terceira e tendo em vista a segurança dos utentes internados, dos profissionais de saúde e da comunidade em geral, informa-se que, de forma transitória e até comunicação de novas normas do plano de contingência nesta matéria, encontram-se temporariamente suspensas as visitas no âmbito da pandemia por covid-19, com efeitos imediatos", informou aquela unidade hospitalar, na sua página da Internet.

Também a Câmara Municipal de Angra do Heroísmo cancelou hoje "os eventos do mês de julho", devido à "atual situação epidemiológica", segundo divulgou na rede social Facebook.

Aquele município faz referência, por exemplo, ao evento Angra ao Vivo -- Américo Roque ou aos concertos do Angra em Festa para julho, que vão ser "adiados para data a definir".

Quanto às visitas no hospital, a unidade esclarece que se mantêm "as situações e autorizações excecionais com os motivos justificativos já previstos nas normas em vigor".

O boletim de hoje da Autoridade de Saúde Regional indicou que os Açores registaram, nas últimas 24 horas, 72 novos casos de covid-19, dos quais 38 na ilha Terceira e 34 em São Miguel, somando 436 infeções ativas.

Os números só se aproximam dos de 10 de abril, altura em que o arquipélago registou 76 novos casos, sendo então 75 em São Miguel e um na Terceira, com um total de 264 casos ativos de covid-19.

Atualmente, de acordo com a nota de imprensa da Autoridade de Saúde, a região "conta com 436 casos positivos ativos, sendo 307 em São Miguel, 95 na Terceira, 10 no Pico, nove em São Jorge, sete nas Flores, sete no Faial e um na Graciosa".

Na ilha Terceira, onde o boletim de terça-feira identificava 11 novos doentes, foi identificada a maioria dos novos casos do arquipélago (38) nas últimas 24 horas.

O diretor regional de Saúde dos Açores disse hoje existir transmissão comunitária de covid-19 na Terceira, estando previsto um agravamento das medidas de contenção do contágio nesta ilha, agora em "alto risco" de infeção pelo novo coronavírus.

"Não vale a pena estarmos a adiar o declarar de uma situação de transmissão comunitária, até porque interessa aplicar medidas em consonância com essa situação, de forma a tentar mais rapidamente identificar novos casos", adiantou, em declarações à Lusa, o diretor regional da Saúde dos Açores, Berto Cabral, responsável máximo pela Autoridade de Saúde Regional.

As medidas aprovadas em Conselho de Governo, a aplicar a partir das 00:00 de sábado, só deverão ser conhecidas na quinta-feira, mas a ilha Terceira, que deixou de ter transmissão comunitária identificada em março e estava há vários meses em muito baixo risco de transmissão do SARS-CoV-2, deverá passar ao nível de alto risco, segundo o responsável.

"No caso da Terceira, passa de uma situação de muito baixo risco para alto risco. Vamos ter, naturalmente, de ter medidas diferentes das que tínhamos até agora", afirmou.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório