Meteorologia

  • 29 JULHO 2021
Tempo
26º
MIN 17º MÁX 27º

Edição

Cadela deixou Noah porque não cabia na vedação onde menino passou

Diretor da PJ da Guarda explicou pela primeira vez, esta tarde, os contornos em que a cadela se separou do menino de dois anos.

Cadela deixou Noah porque não cabia na vedação onde menino passou

A cadela que desapareceu com Noah, e que foi encontrada ainda na quarta-feira a cerca de três quilómetros da casa da família, deixou a criança numa altura em que esta atravessou uma vedação onde o animal não cabia, revela o diretor da PJ da Guarda.

Na TVI24, José Monteiro explicou pela primeira vez, esta tarde, os contornos em que a cadela se separou do menino de dois anos.

"A dada altura do percurso de afastamento da criança, há a entrada numa nova propriedade que é vedada e que tem uma passagem extremamente reduzida - minúscula - onde a criança efetivamente passou", revelou, adiantando que há evidências de que Noah passou por lá. 

"A cadela não poderia passar porque é maior do que a criança. Foram recolhidos nesse local alguns pêlos,  alguns vestígios deixados pela cadela na tentativa de forçar a passagem, mas não foi possível ultrapassar aquela barreira e a cadela provavelmente acabou por ficar ali", acrescenta o coordenador da PJ. "E foi precisamente nesse contexto que a cadela veio a ser encontrada. Não regressou à residência da família, ficou naquele local onde, de forma objetiva, não conseguiu passar."

José Monteiro reiterou, na mesma entrevista, que as pistas e vestígios que foram recolhidos "levam a crer que se tratou de um acidente, de um desaparecimento espontâneo", apelando a que se evitem "teorias da conspiração".

"Isto não significa que eu esteja a dar como definitivo que não houve intervenção de terceiros - pode ter havido -, é uma hipótese que ainda pode ser considerada até ao fim da investigação", salientou, sublinhando que a investigação ainda "não está encerrada".

De momento, Noah está no hospital, acompanhado pela mãe, enquanto o pai, que "estava muito cansado, sob grande stress, passou a noite em casa". 

Recorde-se que a criança deu entrada no Hospital de Castelo Branco depois de ter sido encontrada por populares pouco antes das 20h desta quinta-feira, num "setor de busca que foi alargado", a quatro quilómetros de casa em linha reta, ainda na zona de Proença-a-Velha, mas muito próximo da povoação de Medelim.

Leia Também: Noah "está fora de perigo" mas não deverá ter alta esta sexta-feira

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório