Meteorologia

  • 28 JULHO 2021
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 29º

Edição

Portugal organiza evento para "dar voz aos cidadãos" sobre o futuro

Portugal organiza hoje o primeiro "Evento de Cidadãos Europeus", uma iniciativa associada à Conferência sobre o Futuro da Europa que promete "dar voz aos cidadãos" e envolvê-los no processo de tomada de decisões da UE.

Portugal organiza evento para "dar voz aos cidadãos" sobre o futuro

Organizada pela presidência portuguesa do Conselho da União Europeia, a iniciativa surge no âmbito da Conferência sobre o Futuro da Europa, promovida pela Comissão Europeia, Conselho e Parlamento para ouvir o que os cidadãos consideram "mais relevante para o futuro da UE".

Os cidadãos são convidados a participar nesta iniciativa, em formato 'online' e presencial, a partir do Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa, com transmissão em direto em 23 línguas oficiais da UE na plataforma digital da Conferência sobre o Futuro da Europa, disponível para todos os europeus.

O evento conta com a presença da secretária de Estado dos Assuntos Europeus, Ana Paula Zacarias, da vice-presidente executiva da Comissão Europeia Dubravka Suica e do eurodeputado Guy Verhofstadt, que copresidem ao conselho executivo da Conferência sobre o Futuro da Europa.

Num encontro realizado na quarta-feira, Ana Paula Zacarias disse que estão previstos cerca de nove eventos deste género em Portugal até abril do próximo ano, altura em que termina a Conferência.

O objetivo não é apenas "ouvir os cidadãos de uma forma passiva", mas sim "envolver os cidadãos no processo de tomada de decisões" da UE, explicou Guy Verhofstadt, num 'briefing' aos jornalistas no mesmo dia.

Trata-se, pois, de "um exercício em que ambas partes [políticos e cidadãos] são convidadas a refletir sobre o que a UE precisa" no futuro e que irá culminar na redação de um conjunto de conclusões, a partir dos relatórios e análises produzidas ao longo da Conferência, que serão depois implementadas a nível europeu.

Os cidadãos podem participar na Conferência através de várias formas, desde logo a plataforma digital associada à iniciativa, na qual podem partilhar ideias e opiniões sobre vários tópicos, das alterações climáticas e ambiente à saúde, economia, migrações, educação e cultura, ou outros.

A plataforma, lançada em 19 de abril, semanas antes do arranque oficial da Conferência, em 09 de maio, conta com mais de 17.300 participantes que partilharam mais de 4.500 ideias e publicaram mais de 9.000 comentários.

A plataforma permite ainda organizar eventos: qualquer cidadão, organização ou autoridade nacional, local e regional poderão criar um evento para refletir sobre o futuro da Europa e publicar posteriormente as conclusões do mesmo.

Até ao momento foram organizados mais de mil eventos.

O "Evento de Cidadãos Europeus" antecede a sessão plenária inaugural da Conferência sobre o Futuro da Europa, que decorre sábado, 19 de junho, em Estrasburgo, num regime presencial e 'online'.

Nessa sessão inaugural, os membros dos plenários irão debater os objetivos e as expectativas da Conferência, bem com definir a calendarização das próximas sessões plenárias e dos próximos eventos da Conferência, além da organização de grupos de trabalho temáticos.

Leia Também: Nos últimos 31 anos PS governou Lisboa 26 anos e o PSD (apenas) cinco

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório