Meteorologia

  • 29 JULHO 2021
Tempo
23º
MIN 17º MÁX 27º

Edição

'Full Tank'. Desmantelada rede de furto de combustíveis na Grande Lisboa

Suspeitos usavam um esquema que lhes permitia desbloquear o sistema das bombas de combustível, levando-os depois a encher jerricãs. De acordo com a GNR, os três homens conseguiram furtar cerca de 39 mil litros de combustíveis desta forma.

'Full Tank'. Desmantelada rede de furto de combustíveis na Grande Lisboa

O Comando Territorial de Lisboa  deteve, no passado dia 10, três homens, com idades compreendidas entre os 30 e os 55 anos, por burla informática e furto, na zona da Grande Lisboa.

Em comunicado, a GNR detalha que que a investigação - apelidada de operação 'Full Tank' - durou cerca de dois meses.

O esquema usado pelos suspeitos passava por inibir os sistemas de comunicação dos meios de pagamento em diversos postos de abastecimentos de combustível na área da Grande Lisboa, levando assim a que as bombas ficassem desbloqueadas e sem registos no sistema de faturação. Uma vez desbloqueado o sistema, os suspeitos enchiam diversos jerricãs que transportavam nas suas viaturas.

Com este esquema - que lesou os operadores de venda de combustíveis em cerca de 53 mil euros - os suspeitos conseguiram furtar cerca de 39 mil litros de combustíveis (gasóleo e gasolina) em diversos postos de abastecimento, sendo que esses combustíveis eram destinados a venda posterior nas imediações das habitações dos suspeitos, sublinha a GNR.

No comunicado, a GNR conta ainda que no decorrer do inquérito foram cumpridos três mandados de detenção, tendo ainda sido realizadas cinco buscas domiciliárias, três em estabelecimentos comerciais e 10 em veículos, culminando na apreensão de 10 veículos; 12.550 euros em numerário; 85 jerricãs utilizados no furto e venda de combustíveis e diverso material utilizado na prática do crime – telemóveis, computadores e cartões com banda magnética.

Informa ainda a autoridade que os detidos foram presentes, no dia seguinte à detenção, ao Tribunal Judicial de Sintra, onde lhes foi aplicada a medida de coação de apresentações periódicas no posto policial da sua área de residência.

A ação contou com o reforço do Destacamento de Intervenção (DI) de Lisboa, da Unidade de Ação Fiscal (UAF) e com o apoio da Polícia de Segurança Pública (PSP).

Leia Também: Detidos dois suspeitos por furtos em estabelecimentos e tráfico de droga

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório