Meteorologia

  • 18 JUNHO 2021
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Covid-19: Governo dos Açores vai ter coordenador do processo de vacinação

Os Açores vão ter um coordenador para o processo de vacinação na região, adiantou hoje o secretário regional da Saúde, Clélio Meneses, explicando que a decisão se deve à intensificação do processo.

Covid-19: Governo dos Açores vai ter coordenador do processo de vacinação
Notícias ao Minuto

18:56 - 06/05/21 por Lusa

País Covid-19

"Já foi identificada uma pessoa externa, com experiência internacional ao nível da logística na saúde, que vai ficar responsável pelo processo de logística na vacinação", afirmou o secretário regional da Saúde.

O Governo Regional dos Açores já tinha criado uma Comissão Especial de Acompanhamento e Combate à Pandemia de Covid-19 e decidiu agora ter uma outra pessoa para coordenar o processo de vacinação na região.

Essa decisão "acontece agora, porque agora é que chegam em massa vacinas aos Açores", explicou o governante, que falava durante a conferência de imprensa semanal sobre a pandemia nos Açores, que decorreu hoje em Ponta Delgada.

Clélio Meneses fez ainda saber que, "até ao final de junho, é expectável que cheguem aos Açores cerca de 130 mil doses de vacinas" contra a covid-19.

Este é "um processo muito mais exigente, por isso exige que tenhamos respostas adequadas a essa intensidade de vacinação", reiterou.

O governante lembrou que, além da Unidade de Saúde de Ilha de São Miguel, o "Hospital do Divino Espírito Santo e as forças militares também vão passar a vacinar".

A região passa a ter, "a partir de agora, uma estratificação etária semanal de vacinação", adiantou.

"Percebo que há ilhas que, podendo, querem vacinar mais (...) mas gera-se, com isso, algum ruído que não ajuda um processo que tem de ser transparente, pacífico, apesar da vontade de alguns de fazer com que assim não seja", explicou.

Clélio Meneses reconhece que tem havido percalços e exemplificou com a vacinação indevida de pessoas que tinham patologias prioritárias, mas que não tinham a idade exigida, no posto de vacinação das Portas do Mar, em Ponta Delgada.

O governante denunciou também o "nível de terrorismo" gerado neste processo.

Depois do "caos" que aconteceu nas Portas do Mar, no final de abril, voltaram a aparecer, naquele mesmo posto, "pessoas que tinham sido contactadas" indevidamente para serem vacinadas.

Estes últimos contactos foram feitos através de um "número da Câmara Municipal de Ponta Delgada", mas o secretário regional garantiu que "não foi, obviamente, a senhora presidente da Câmara, nem ninguém a mando dela, que determinou a vacinação, foi alguém que utilizou um número oficial da Câmara Municipal para criar o caos, para criar confusão".

Neste caso, como naqueles em que "tem havido erros do sistema", já foram abertos inquéritos.

Até 29 de abril foram administradas nos Açores 79.589 doses de vacina contra a covid-19, correspondentes a 56.419 pessoas com 15 ou mais anos, com a primeira dose (27,85% taxa de cobertura), e 23.170 pessoas com ambas as doses (11,44% de taxa de cobertura), no âmbito do Plano Regional de Vacinação.

À data de hoje, o arquipélago conta com 174 casos positivos ativos, sendo 165 em São Miguel, seis nas Flores, dois em Santa Maria e um na Terceira.

Desde o início da pandemia foram diagnosticados 4.981 casos positivos de covid-19 nos Açores, tendo recuperado da doença 4.654 pessoas. Morreram 31 pessoas, saíram do arquipélago 79 e 43 apresentaram prova de cura anterior.

Leia Também: Açores: Testes gratuitos em farmácias e rastreios laborais aleatórios

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório