Meteorologia

  • 27 FEVEREIRO 2021
Tempo
15º
MIN 12º MÁX 19º

Edição

Açores. PJ detém homem suspeito de atear fogo a moradia por vingança

O incêndio acabou por consumir apenas um quarto da habitação, graças à pronta resposta de um residente da casa e dos vizinhos. Suspeito é ouvido hoje em tribunal.

Açores. PJ detém homem suspeito de atear fogo a moradia por vingança

A Polícia Judiciária informou, esta segunda-feira, que foi detido um homem, de 40 anos, por fortes indícios de ter ateado fogo a uma moradia, nos Açores.

Em comunicado, a força policial explica que, ao que foi apurado, o suspeito deflagrou o fogo "movido por um sentimento de vingança contra pessoa com quem mantinha uma relação de proximidade".

Para concretizar o crime, o homem terá, com um isqueiro, ateado fogo a "materiais facilmente inflamáveis" que se encontravam dentro da casa, localizada no concelho da Ribeira Grande, na ilha de São Miguel.

O incêndio acabou por destruir um dos quartos da habitação e só não consumiu o resto da moradia graças "à pronta intervenção de um residente e dos vizinhos", esclarece ainda a PJ.

O detido será hoje presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação de eventuais medidas de coação.

Leia Também: PJ deteve no Porto homem suspeito de violação de menor dependente

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório