Meteorologia

  • 03 JULHO 2022
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 30º

Fim de semana de mau tempo à vista. Proteção Civil faz aviso à população

As previsões de chuva, neve, vento e agitação marítima, previstas para as próximas 48 horas, levaram a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil a fazer um aviso à população.

Fim de semana de mau tempo à vista. Proteção Civil faz aviso à população
Notícias ao Minuto

18:50 - 19/02/21 por Melissa Lopes

País Tempo

O fim de semana está à porta e com ele vem o mau tempo (culpa da depressão Karim). E o 'menu' é completo: chuva, neve, vento e agitação marítima.

Para sábado, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê chuva temporariamente forte a partir da manhã no litoral Norte e Centro, progredindo gradualmente para o restante território. O vento soprará até 50 km/h do quadrante sul, por vezes, com rajadas até 90km/h no litoral e até 110 km/h nas terras altas, diminuindo gradualmente de intensidade a partir da tarde. Prevê-se assim uma redução de visibilidade devido a chuva e possibilidade de nevoeiro matinal no interior.

Para domingo, as previsões apontam para chuva temporariamente forte durante a madrugada no interior, passando a aguaceiros; possibilidade de granizo e neve acima de 1000 metros de altitude. O vento soprará até 30 km/h do quadrante oeste rodando para noroeste, por vezes temporariamente forte até 40 km/h nas terras altas. Também no domingo se notará uma redução de visibilidade devido a chuva. É ainda de esperar uma descida da temperatura.

Face a estas previsões, a Proteção Civil alerta para o piso rodoviário escorregadio por eventual acumulação de gelo, neve e formação de lençóis de água; para a possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem; para a possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis; queda de ramos ou árvores, bem como de afetação de infraestruturas associadas às redes de comunicações e energia e desconforto térmico.

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil apela por isso os cidadãos a tomarem medidas preventivas, nomeadamente:

  • Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas;
  • Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível formação de gelo nas vias rodoviárias
  • Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas
  • Nas vias afetadas pela acumulação de água, são desaconselhadas viagens com crianças, idosos ou pessoas com necessidades especiais;
  • Evitar circular naquelas vias com veículos pesados, em particular articulados, veículos com reboque e veículos de tração traseira;
  • Ter especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas, estando atento para a possibilidade de queda de ramos ou árvores, em locais de vento mais forte;
  • Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a estes fenómenos;
  • Prestar atenção aos grupos mais vulneráveis (crianças nos primeiros anos de vida, doentes crónicos, pessoas idosas ou em condição de maior isolamento, trabalhadores que exerçam atividade no exterior e pessoas sem abrigo.

Leia Também: Fim de semana traz chuva, granizo e trovoada

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório