Meteorologia

  • 19 JANEIRO 2021
Tempo
MIN 4º MÁX 15º

Edição

Covid-19: Portugal regista mais 78 mortes e 3.262 infetados

Boletim epidemiológico desta segunda-feira indica que há mais 97 internados com Covid-19, dos quais 525 estão em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), menos 11 face ao dia anterior.

Covid-19: Portugal regista mais 78 mortes e 3.262 infetados

Portugal reportou mais 78 mortes relacionadas à Covid-19 e mais 3.262 diagnósticos positivos de SARS-CoV-2, indica o boletim epidemiológico da Direção-Geral de Saúde (DGS) desta segunda-feira. Com esta atualização, o país acumula 298.061 infeções e 4.505 óbitos, desde o início da pandemia. Os dados desta segunda-feira representam um aumento de 1,76% em relação ao número de mortes e de 1.11% em relação aos novos casos. 

De acordo com o boletim desta segunda-feira, estão agora internadas 3.342 pessoas, mais 97 do que na véspera. Destes, 525 estão em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), menos 11 em relação ao boletim de domingo. 

O número de recuperados (3.402) volta hoje a superar o número de novos casos, sendo agora o total 212.942. Assim, o número de casos ativos é hoje de 80.614, menos 224 do que ontem. 

Por regiões, o Norte continua a registar mais novos casos (1. 795) e mais mortes (42). Segue-se Lisboa e Vale do Tejo (LVT) que soma mais  839 infeções e 28 óbitos.  No Centro foram reportados 407 diagnósticos positivos para a Covid-19 e seis mortes relacionadas com a doença. Com 148 novos contágios, o Alentejo regista duas mortes.  Sem qualquer óbito a registar, o Algarve notifica 34 novos casos de infeção pelo novo coronavírus

Nas regiões autónomas, onde também não foi reportada qualquer morte associada à Covid-19, há registo de 32 novas infeções nos Açores e sete na Madeira. 

Esta segunda-feira, véspera de feriado, os concelhos com risco muito elevado e extremamente elevado de contágio estão sujeitos a horários diferentes.O comércio, por exemplo, encerra às 15 horas. Para todo o território nacional, mantém-se a proibição de circulação entre concelhos.

Amanhã, dia 1, volta o recolher obrigatório às 13 horas para os municípios com risco muito elevado e extremamente elevado de transmissão do novo coronavírus

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório