Meteorologia

  • 07 JULHO 2020
Tempo
19º
MIN 19º MÁX 35º

Edição

Pais de bebé desaparecido tornam-se principais suspeitos

A Polícia Judiciária encerrou ontem as buscas pelo bebé de dezoito meses, desaparecido de casa de familiares, no passado domingo, na Madeira. De acordo com o Diário de Notícias, foi iniciada uma investigação, mas centrada nos pais da criança, que se tornaram principais suspeitos.

Pais de bebé desaparecido tornam-se principais suspeitos

Os pais de Daniel, bebé desaparecido da casa de familiares na tarde do passado domingo, são agora os principais suspeitos na investigação da Polícia Judiciária, avança o Diário de Notícias. Aliás, todos os presentes na residência por altura do desaparecimento da criança estão na mira das autoridades, depois de anunciada a cessação das buscas pelo paradeiro do menino.

Os bombeiros, PSP e GNR procuraram a criança desde domingo mas sem sucesso e passaram, portanto, à fase de investigação indiciando o aparecimento de provas concretas de que Daniel não estará no local do desaparecimento, no município de Calheta.

A mesma publicação afirma que durante a tarde de ontem, segunda-feira, foram ouvidas oito pessoas nas instalações da PJ, no Funchal: os pais da criança, a tia da mãe, Ilda, e o marido, que são os proprietários da casa de onde Daniel desapareceu, uma vizinha e alguns primos. Nenhum deles se fez acompanhar por um advogado.

“Foram apertados. Nem imagina as perguntas que lhes fizeram. Se tinham vendido a criança, se tinha havido um acidente e escondido o corpo. A PJ acha que eles são os culpados e fizeram-lhes todas as perguntas possíveis e imaginárias como se fossem responsáveis pelo desaparecimento do Daniel”, contou Cátia, de 25 anos, irmã da mãe do bebé, que não estava presente na fatídica tarde de domingo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório