Meteorologia

  • 28 FEVEREIRO 2021
Tempo
11º
MIN 9º MÁX 19º

Edição

Defesa de Rui Pinto pede que disco da PLMJ seja "inexistente" para prova

Os advogados de Rui Pinto fizeram hoje um requerimento a pedir que um disco rígido ligado à sociedade de advogados PLMJ seja declarado inexistente para efeitos de prova no julgamento do processo 'Football Leaks'.

Defesa de Rui Pinto pede que disco da PLMJ seja "inexistente" para prova

Francisco Teixeira da Mota e Luísa Teixeira da Mota vincaram que o arguido foi hoje "surpreendido" com a existência desse dispositivo com 1 Tb [terabyte] de capacidade, na sequência de uma intervenção da procuradora do Ministério Público (MP), Marta Viegas, a propósito da futura audição de uma das testemunhas ligadas à PLMJ.

Ato contínuo, os advogados requereram que o disco rígido fosse declarado "inexistente em matéria de prova", sublinhando que o mesmo "não consta nos autos" e defendendo a "nulidade processual" de o adicionarem neste momento. Na sequência da apresentação do requerimento, o MP pediu 10 dias para se pronunciar.

Rui Pinto, de 31 anos, responde por um total de 90 crimes: 68 de acesso indevido, 14 de violação de correspondência, seis de acesso ilegítimo, visando entidades como o Sporting, a Doyen, a sociedade de advogados PLMJ, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a Procuradoria-Geral da República (PGR), e ainda por sabotagem informática à SAD do Sporting e por extorsão, na forma tentada. Este último crime diz respeito à Doyen e foi o que levou também à pronúncia do advogado Aníbal Pinto.

O criador do Football Leaks encontra-se em liberdade desde 07 de agosto, "devido à sua colaboração" com a Polícia Judiciária (PJ) e ao seu "sentido crítico", mas está, por questões de segurança, inserido no programa de proteção de testemunhas em local não revelado e sob proteção policial.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório