Meteorologia

  • 22 OUTUBRO 2020
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 19º

Edição

Portuguesa morta na África do Sul. Mãe foi assassinada na mesma casa

Mulher tinha entre 50 e 60 anos e era natural de Leiria.

Portuguesa morta na África do Sul. Mãe foi assassinada na mesma casa

Uma mulher natural de Leiria, com idade compreendida entre os 50 e os 60 anos, morreu vítima de graves lesões infligidas durante um assalto à sua residência em Vryheid, na África do Sul.

De acordo com o correspondente do Jornal da Madeira em Joanesburgo, a mãe da mulher tinha sido assassinada na mesma casa em 2003 ou 2004.

A mesma publicação adianta que a mulher vivia “em condições paupérrimas, de miséria plena, sem meios de subsistência, como alimentos e água”. A emigrante viveria numa casa sem eletricidade e era ajudada por residentes.

Uma testemunha no local disse que a mulher foi “brutalmente espancada e violada” por quatro homens. Posteriormente, terão ateado fogo ao interior da casa, antes de se colocarem em fuga.

Recorde-se que, no início de setembro, também um casal madeirense foi assassinado na África do Sul, num cenário de grande violência.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório