Meteorologia

  • 01 DEZEMBRO 2021
Tempo
17º
MIN 6º MÁX 17º

Edição

Marcelo aconselha que se faça "das tripas coração" no novo ano letivo

O Presidente da República aconselhou hoje humildade para corrigir o que correr menos bem no novo ano letivo, que anteviu complexo devido à pandemia de covid-19, e considerou que vai ser preciso "fazer das tripas coração".

Marcelo aconselha que se faça "das tripas coração" no novo ano letivo

Marcelo Rebelo de Sousa falava em resposta aos jornalistas no final da inauguração da exposição e lançamento do livro 'A cidade que não existia', de Alfredo Cunha, na Galeria Municipal Artur Bual, na Amadora.

Questionado sobre o início do novo ano letivo, o chefe de Estado começou por defender a importância do ensino presencial, alegando que "o ensino não presencial não é verdadeiramente ensino completo".

"Agora, isso obriga a um esforço que, eu percebo os professores e os sindicatos dos professores, é muito difícil, percebo os pais e associações de pais, é muito difícil, percebo os jovens, porque para eles ainda é mais difícil. Mas vamos ter de lidar com isto, quem sabe, meia dúzia de meses", acrescentou.

Marcelo Rebelo de Sousa realçou que este ano letivo "provavelmente não é perfeito, foi posto de pé no meio de uma pandemia, com o ano letivo anterior ainda a terminar e com muito pouco tempo".

"Por isso é que temos de ter a humildade, mas também a honestidade de, sempre que não estiver a correr bem, tentar corrigir. Aumentar a capacidade de rastreio, ou seja, de testagem, sempre que possível - e o Governo já disse que ia tentar fazê-lo. E fazer das tripas coração, porque esta situação continua a ser em muitos aspetos, em Portugal como noutros países, imprevisível, no tempo que vai durar, na forma de que se vai revestir e nos desafios que coloca", aconselhou.

O Presidente da República referiu que "a previsão última é que não há vacina provavelmente antes de fevereiro ou março" e pediu "espírito coletivo" e que se transforme "a preocupação" com o regresso à escola "em ação" conjunta.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório