Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2021
Tempo
MIN 5º MÁX 14º

Edição

De maio a julho, PSP identificou 206 idosos em situação de risco social

A operação 'Solidariedade Não Tem Idade' irá prolongar-se até setembro.

De maio a julho, PSP identificou 206 idosos em situação de risco social

A PSP deu início, em 18 de maio deste ano, à Operação 'Solidariedade Não Tem Idade'. Até 31 de julho, a força policial revelou que 431 polícias efetuaram 1.142 contactos individuais a idosos e realizaram 137 ações de fiscalização preventiva criminal.

Nestes contactos, detalha a PSP num comunicado enviado esta sexta-feira às redações, foram identificados 206 idosos em situação de risco social, 185 foram sinalizados para instituições de apoio social e 83 encaminhados para apoio urgente - "por se encontrarem em situação de elevado risco".

Com a vista a terminar em 25 de setembro, esta operação de cariz preventivo foi implementada em todos os Comandos de Polícia da PSP, tendo como objetivo principal "a deteção de casos de fragilidade social". 

Durante este período, os agentes das equipas desta operação procuraram indícios de maior vulnerabilidade física e psíquica ou de situações suspeitas de crimes, "seja de violência doméstica ou contra a vida ou integridade física, eventualmente agravados pela situação epidemiológica da Covid-19. Após a identificação destes casos, a polícia aciona "meios de resposta social em coordenação com as diversas entidades parceiras".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório