Meteorologia

  • 28 OUTUBRO 2020
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 20º

Edição

Mais 30 casos de infeção pela Covid-19 na Sonae da Azambuja

Depois de terem sido confirmados pelo autarca da Azambuja que tinham sido detetados 40 casos na empresa, esta quinta-feira foram confirmados mais 30 casos positivos de Covid-19.

Mais 30 casos de infeção pela Covid-19 na Sonae da Azambuja
Notícias ao Minuto

12:35 - 21/05/20 por Ana Lemos 

País Pandemia

São já 70 os trabalhadores da empresa de logística da Sonae, no concelho da Azambuja, que estão infetados pela Covid-19, avança a TVI24.

Mais tarde, na habitual conferência da Direção-Geral de Saúde, a diretora-geral Graças Freitas confirmou este surto na Sonae, na Azambuja, revelando que até à data dos 339 testes realizados, 70 tiveram resultados positivos. Mas, esclareceu, estas 70 pessoas "estão todas clinicamente  bem", não estão internadas, são trabalhadores jovens, muitos vivem em alojamento em conjunto.

Esta atualização surge depois de ontem, em declarações à Lusa, autarca ter referido que os 800 trabalhadores que trabalham no entreposto da Azambuja da Sonae Mc estão a ser testados ao novo coronavírus.

Ontem, 40 funcionários já tinham testado positivo e hoje, adianta a televisão de Queluz, mais 30 trabalhadores terão tido resultado positivo à infeção pela Covid-19.

Confrontada com esta situação, fonte da Sonae MC ressalvou à agência Lusa que a empresa já implementou um conjunto de medidas para "minorar este problema", nomeadamente o desfasamento dos horários dos turnos e a duplicação de autocarros que transportam os trabalhadores até ao armazém.

"Apenas um terço dos nossos colaboradores usa comboios e já estamos a reforçar, há várias semanas, o serviço de autocarros", adianta a empresa.

Além destas medidas, a Sonae está a medir a temperatura a todos os trabalhadores "antes de darem entrada em qualquer instalação dos entrepostos" e reforçou a entrega de máscaras e a higienização das instalações e veículos de transporte de mercadorias.

Sonae é a segunda empresa da Plataforma Logística de Azambuja onde foi detetado um número significativo de casos da Covid-19. No passado dia 2 de maio, a empresa de produtos alimentares Avipronto fechou provisoriamente depois de terem sido detetados 38 casos positivos de infeção pelo novo coronavírus entre os funcionários.

[Notícia atualizada às 16h22]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório