Meteorologia

  • 10 MAIO 2021
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 18º

Edição

Acidentes provocam menos mortos em fevereiro mas feridos graves aumentam

Os acidentes rodoviários provocaram 55 vítimas mortais nos dois primeiros meses do ano, uma redução de 36% em relação ao mesmo período de 2019, mas os feridos graves aumentaram 6,3%, totalizando 340, foi hoje divulgado.

Acidentes provocam menos mortos em fevereiro mas feridos graves aumentam

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), que hoje publicou o relatório do mês de fevereiro e no qual estão contemplados também os dados dos acidentes nas regiões autónomas da Madeira e dos Açores, avança que se registaram, em janeiro e fevereiro, 5.256 acidentes, que provocaram 55 mortos, 240 feridos graves e 6.308 feridos ligeiros.

Em relação ao mesmo período do ano passado, verificou-se uma redução de 163 acidentes com vítimas (-3%), de 31 vítimas mortais (-36%) e de 143 feridos ligeiros (-2,2%), enquanto o número de feridos graves sofreu um agravamento de 20 vítimas (+6,3%).

Na Região Autónoma da Madeira regista-se uma descida de todos os indicadores, à exceção dos feridos graves, mas nos Açores verificou-se um aumento de nove acidentes, de uma vítima mortal, de oito feridos graves e de 22 feridos leves (+25,0%), indica a ANSR.

No continente, registaram-se 5.023 acidentes, de que resultaram 53 vítimas mortais ocorridas no local do acidente ou durante o transporte até ao hospital, 301 feridos graves e 6.041 feridos ligeiros.

Estes dados no continente significam, segundo a ANSR, que em janeiro e fevereiro ocorreram menos 167 acidentes (-3,2%), menos 30 vítimas mortais (-36,1%), menos 161 feridos graves (-2,6%) e um aumento de seis feridos ligeiros (+2%) em relação ao período homólogo do ano passado.

Os dados hoje divulgados são anteriores às restrições colocadas aos portugueses devido à pandemia de covid-19, tendo a agência Lusa pedido à ANSR os dados mais recentes, mas tal não foi facultado.

O relatório de fevereiro indica também que a colisão foi o tipo de acidentes mais frequente, apesar do maior número de vítimas mortais ter resultado de despistes.

Segundo a ANSR, registou-se, em janeiro e fevereiro, um aumento de uma vítima mortal e uma diminuição de 27 feridos graves por atropelamento e, no caso das colisões e despistes, uma redução do número de mortos de 51,5% e 40%, mas um acréscimo de feridos graves (20,0% e 8,6%, respetivamente).

A maioria dos acidentes, bem como das vítimas, ocorreram em arruamentos e 49,1% dos mortos registou-se entre os condutores, seguido de peões (32,5%) e passageiros (18,9%), continuando a ser os veículos ligeiros os principais intervenientes.

No âmbito da fiscalização, a ANSR indica que, nos dois primeiros meses do ano, foram fiscalizados cerca de 23 milhões de veículos, um aumento de 60,4% face ao período de janeiro a fevereiro de 2019, de que resultaram mais de 262 mil infrações, sendo o excesso de velocidade a mais frequente.

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2021 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório