Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2020
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

MP acusa GNR que perdoou multa a condutor de viatura sem seguro

O Ministério Público (MP) acusou um militar da GNR de um posto de Famalicão dos crimes de falsificação e denegação de justiça e prevaricação, por alegadamente ter perdoado uma multa a um condutor que circulava numa viatura sem seguro.

MP acusa GNR que perdoou multa a condutor de viatura sem seguro

Em nota hoje publicada na sua página na Internet, a Procuradoria-Geral Distrital do Porto acrescenta que o MP requereu ainda que o arguido seja condenado na pena acessória de proibição do exercício da função de militar da GNR.

O MP considerou indiciado que o arguido, no dia 18 de maio de 2016, durante um serviço de patrulha, efetuou fiscalização ao condutor de um veículo automóvel, verificando que ele circulava sem que tivesse sido efetuado o seguro obrigatório de responsabilidade civil.

Ainda segundo o MP, o arguido, "acedendo a pedido" do condutor, não levantou o correspondente auto de contraordenação, alterando mesmo de 18 para 19, por rasura, a data de emissão do aviso para apresentação de documentos.

Desta forma, permitiu que o condutor pudesse apresentar o seguro válido, "aparentando que já o tinha contratado na data da fiscalização".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório