Meteorologia

  • 29 MAIO 2020
Tempo
23º
MIN 22º MÁX 32º

Edição

Almada encerra museus, bibliotecas e piscinas municipais até 5 de abril

A Câmara de Almada anunciou hoje que encerrou os museus, bibliotecas e piscinas municipais até 05 de abril e suspendeu várias iniciativas, para "reduzir os riscos de exposição e eventual contágio" do novo coronavírus.

Almada encerra museus, bibliotecas e piscinas municipais até 5 de abril
Notícias ao Minuto

20:01 - 11/03/20 por Lusa

País Covid-19

Em comunicado, a autarquia do distrito de Setúbal adianta que encerrou "com efeitos imediatos" as bibliotecas municipais, o arquivo histórico, os vários museus e espaços culturais, as casas da juventude e piscinas municipais.

Segundo o município, com cerca de 175 mil habitantes, estas medidas "temporárias e preventivas" encontram-se em vigor até ao próximo dia 05 de abril, mas "estão sujeitas a avaliação permanente".

Neste âmbito, foram também suspensas várias iniciativas que iriam decorrer no concelho durante este mês, como a Semana da Leitura, o Março à Solta, o 'roadshow' regional Municípios + Inteligentes, Dias da Floresta ou a Assembleia Municipal Jovem.

Foram igualmente suspensas todas as atividades nos pavilhões municipais, com exceção das escolares e das de caráter competitivo, que só "podem decorrer à porta fechada".

"Todas estas atividades serão retomadas, reprogramadas ou canceladas em função da evolução da situação", explica o comunicado

O município decidiu ainda suspender as reuniões plenárias da rede social e grupos concelhios, as visitas de estudo e passeios com recurso ao serviço de transportes da Câmara de Almada e a participação dos munícipes nas reuniões do executivo.

Já os serviços de atendimento ao público continuam a funcionar normalmente, mas a autarquia apelou aos munícipes que "privilegiem, sempre que possível, a via eletrónica e/ou digital".

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou hoje a doença Covid-19 como pandemia.

A pandemia de Covid-19 foi detetada em dezembro, na China, e já provocou mais de 4.500 mortos em todo o mundo.

O número de infetados ultrapassou as 124 mil pessoas, com casos registados em 120 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 59 casos confirmados.

Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde atualizou hoje o número de infetados, que registou o maior aumento num dia (18), ao passar de 41 para 59.

A região Norte continua a registar o maior número de casos confirmados (36), seguida da Grande Lisboa (17) e das regiões Centro e do Algarve (três cada).

As medidas já adotadas em Portugal para conter a pandemia incluem, entre outras, a suspensão das ligações aéreas com a Itália, a suspensão ou condicionamento de visitas a hospitais, lares e prisões, e a realização de jogos de futebol sem público.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório