Meteorologia

  • 03 ABRIL 2020
Tempo
19º
MIN 7º MÁX 20º

Edição

Matos Fernandes inicia hoje visita de seis dias ao Uruguai e Argentina

O ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, inicia hoje uma visita de seis dias ao Uruguai e à Argentina, no âmbito da viagem de circum-navegação do navio-escola Sagres.

Matos Fernandes inicia hoje visita de seis dias ao Uruguai e Argentina

No Uruguai, o ministro vai participar em iniciativas a bordo do Sagres, reunir-se com os ministros uruguaios da Indústria e Habitação e com o vice-ministro do Meio Ambiente.

João Pedro Matos Fernandes irá, na capital do Uruguai, Montevideu, apresentar a política climática portuguesa e participar na cerimónia de posse do novo Presidente do país, Luis Lacalle Pou, eleito em novembro.

O navio-escola Sagres iniciou em 5 de janeiro em Lisboa a viagem comemorativa dos 500 anos da circum-navegação da Terra feita pelos navegadores português Fernão de Magalhães e espanhol Juan Sebastián Elcano (1519-1522).

A embarcação da Marinha Portuguesa estará em Montevideu até quinta-feira, altura em que segue para Buenos Aires, capital da Argentina.

Na Argentina, o ministro do Ambiente e da Ação Climática vai reunir-se com o seu homólogo e participar no seminário internacional 'Experiências em Ambiente e Gestão de Águas'.

O ministro fará também uma visita ao Sistema Riachuelo, um projeto de saneamento básico que servirá a área metropolitana de Buenos Aires.

Na sua viagem de 371 dias à volta do mundo, que terminará em janeiro de 2021, o navio-escola Sagres medirá a presença de microplásticos através da recolha de amostras de água em vários pontos do seu percurso.

No fim da viagem terá elementos para ser feito um mapa de zonas de acumulação e assim perceber também qual a origem dos microplásticos encontrados.

O Sagres, onde foi instalado equipamento específico para a parte científica da missão, vai igualmente estar ao serviço do projeto SAIL, para estudar as interações entre o mar e a atmosfera na chamada camada limite marinha, onde há trocas de calor e humidade e onde se concentram muitas nuvens baixas, com efeitos no clima global.

Os instrumentos a bordo do navio permitirão medir a radiação cósmica, a radioatividade ambiental e a ionização atmosférica.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório