Meteorologia

  • 10 ABRIL 2020
Tempo
19º
MIN 13º MÁX 21º

Edição

Mulher em prisão preventiva pelo furto de peças de ouro

A suspeita efetuava os roubos nos concelhos do Cartaxo e de Santarém.

Mulher em prisão preventiva pelo furto de peças de ouro

A GNR do Cartaxo deteve esta quinta-feira uma mulher suspeita da prática de vários furtos em residências do Cartaxo e de Santarém. Num comunicado enviado às redações, a GNR explica que a mulher, de 53 anos, roubava principalmente peças de ouro e já estava referenciada pela prática destes crimes.

A mulher foi detida na sequência de uma denúncia de furto em residência. Os militares da GNR deslocaram-se para a Vila de Chã de Ourique com “o objetivo de intercetarem os suspeitos”. No entanto, quando chegaram ao local, ao entrarem dentro da residência, “depararam-se com a suspeita encapuçada, tendo sido de imediato detida”.

Depois da sua detenção foram efetuadas diversas diligências, que culminaram na realização de uma busca domiciliária e uma busca em estabelecimento de compra e venda de ouro. No decurso dessas buscas a GNR apreendeu diversas peças em ouro, diversa sucata em prata, 16 relógios, dinheiro em notas de francos, reais e dólares, uma arma de alarme e material utilizado para concretizar os furtos.

O material apreendido estava relacionado com furtos no Cartaxo e em Santarém, sendo assim a mulher suspeita de pelo menos cinco furtos. De acordo com a GNR, a mulher dizia ser empregada doméstica e fazia a limpeza em algumas residências. Aproveitava o conhecimento para aceder às habitações e praticava os crimes quando sabia que os proprietários não estavam nas casas.

A detida foi presente ao Tribunal Judicial do Cartaxo esta sexta-feira, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório