Meteorologia

  • 16 OUTUBRO 2021
Tempo
25º
MIN 15º MÁX 27º

Edição

Ílhavo alarga recolha de óleos usados às praias

A Câmara de Ílhavo anunciou hoje que vai alargar a recolha de óleos usados às praias da Barra e Costa Nova, com contentores dotados de sensores que permitem a sua monitorização e recolha atempada.

Ílhavo alarga recolha de óleos usados às praias
Notícias ao Minuto

17:40 - 23/12/19 por Lusa

País Ílhavo

Para a concretização do projeto, numa fase piloto com seis equipamentos, a Câmara Municipal de Ílhavo aprovou os termos de um protocolo a celebrar com o consórcio formado pela PRIO e HARDLEVEL que vai permitir o alargamento às praias da Barra e Costa Nova da recolha seletiva, em espaço público, de resíduos de óleo alimentar.

"Esta importante expansão de recolha seletiva de resíduos, permitindo o alargamento do processo a mais áreas do município, incorpora ainda uma estratégia inovadora, em Ílhavo, de colocação de sensores nos equipamentos que, ligados em rede móvel, possibilitam a monitorização e recolha de dados em tempo real, maximizando a gestão das rotas e otimizando o número de viagens das viaturas de recolha, com evidentes benefícios em termos da redução das emissões de gases poluentes para a atmosfera", refere a autarquia em nota de imprensa.

De acordo com a mesma fonte, o processo representa, no Orçamento Municipal, um encargo anual de 900 euros, distribuído pelos seis equipamentos para a recolha de óleos usados.

Em relação à sua localização, a informação municipal adianta que, na Praia da Barra, vão ser instalados na Avenida João Corte Real, em frente ao Mercado, no Largo Leão Negro e no Parque de Campismo.

Quanto aos equipamentos destinados à Praia da Costa Nova do Prado, estes vão ser montados na Avenida José Estêvão, próximo das zonas das farturas, na Avenida da Sra. da Saúde e na Rua das Companhas.

"Esta parceria enquadra-se num trabalho, há muito iniciado, de otimização da gestão dos resíduos, com foco na prevenção, redução, reutilização e reciclagem, mas também na sensibilização para a responsabilização coletiva ambiental", salienta a nota.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório