Meteorologia

  • 18 MAIO 2021
Tempo
21º
MIN 14º MÁX 25º

Edição

Defesa prepara a garantia de sustentabilidade do Sistema de Saúde Milita

O ministro da Defesa Nacional disse hoje, em Lisboa, que está a trabalhar para garantir a sustentabilidade financeira do Sistema de Saúde Militar, a fim de garantir a sua subsistência.

Defesa prepara a garantia de sustentabilidade do Sistema de Saúde Milita

João Gomes Cravinho, que falava na cerimónia de abertura do ano académico do Instituto de Defesa Nacional (IDN), sublinhou que não se pode ter ilusões de que "a sobrevivência não se poderá garantir" se se "continuar pelos caminhos que têm sido trilhados".

"Faremos os ajustes na estrutura de governação, e na própria organização do Sistema de Saúde Militar, que forem necessários para garantir a salvaguarda dos seus beneficiários (...) não apenas no imediato, mas também para o futuro", afirmou.

No seu discurso, no qual fez uma resenha do programa do Governo na área da Defesa para a legislatura, o governante falou também da igualdade e a conciliação da vida familiar, profissional e pessoal, e destacou como outra prioridade a participação das mulheres nas Forças Armadas.

A implementação do Plano Setorial da Defesa para a Igualdade e uma rápida adequação de mentalidades e procedimentos, que reflitam as necessidades da sociedade, "são passos da maior urgência" e que o executivo irá "promover diligentemente" foram destacados por João Gomes Cravinho.

O governante anunciou que será finalizada "em breve" a definição de uma Estratégia Nacional de Ciberdefesa, "processo orientador para a necessária adequação das estruturas e meios neste âmbito relativamente novo para a Forças Armadas".

Nesse sentido, Gomes Cravinho afirmou que foi incluído "um significativo reforço de verbas" para esta área na Lei de Programação Militar, estando a ser desenvolvidos "os primeiros instrumentos e quadros normativos".

O ministro da Defesa falou também na prioridade de "uma nova entidade para substituir a Empordef" (holding das indústrias de defesa portuguesas), "permitindo a necessária estruturação da participação no Estado no Setor Económico da Defesa.

"Estamos a discutir com os ministérios relevantes um plano ambicioso, mas exequível e sensato, que estou certo que merecerá toda a atenção deste Governo", expressou.

O ministro falou também da constituição do Centro para a Defesa do Atlântico, que será debatido no IDN no próximo dia 21, e sobre a constituição do Centro de Excelência da NATO GEOMETEC, que espera "ver concluído em breve" e que "representa um contributo nacional valioso para a operacionalidade dos aliados".

No âmbito da NATO, João Gomes Cravinho afirmou que Portugal está plenamente empenhado "na renovação da aliança e na reafirmação da sua pertinência para a segurança europeia e segurança nacional", mas sublinhou que "isso não invalida que a Europa faça o seu caminho na constituição de estruturas de defesa que reforcem a segurança do espaço euro-atlântico".

O governante falou ainda da participação em missões da União Europeia e das Nações Unidas no continente africano, que vê como "um contributo essencial para a segurança do Atlântico, enquanto espaço alargado".

Leia Também: Polícia Marítima vai aumentar efetivos em mais de 10% em 2021

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2021 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório