Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 7º MÁX 14º

Edição

Presidente Marcelo já teve alta. "Sinto-me melhor do que ontem"

O Presidente Marcelo já teve alta hospitalar e diz sentir-me "melhor" do que ontem quando deu entrada no Hospital de Santa Cruz, em Carnaxide.

Devido a um problema cardíaco, que tornou público há semanas, o Presidente da República deu entrada ao início da tarde desta quarta-feira no Hospital de Santa Cruz, em Carnaxide, para realizar um cateterismo. E, tal como previsto, ao final da manhã de hoje, teve alta.

À saída da unidade hospitalar, Marcelo disse, em declarações aos jornalistas, estar satisfeito por tudo ter "corrido bem" e assumiu que "isso é um fator positivo na ponderação que irei fazer daqui por um ano, em outubro" sobre a sua recandidatura à presidência.

"Não escondo que é bom para o desempenho deste mandato, sentir-me melhor do que sentia e ter outra qualidade de saúde e de vida que não teria se não fosse o SNS, o [Hospital] de Santa Cruz, e a [sua] equipa", afirmou o chefe de Estado, garantindo que "sinto-me verdadeiramente melhor hoje do que ontem".

Aliás, prosseguiu, "sinto-me com tanta energia que para a semana teremos a Web Summit, terei de me lançar outra vez a uma tarefa que está agora com a chegada do inverno ainda mais premente, que é a dos sem-abrigo, e logo a seguir terei uma visita de Estado a Itália, e logo a seguir uma ida a Paris a convite da Academia Francesa". "Para quinze dias, não é mau", brincou Marcelo.

Recorde-se que, o comunicado do Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, E.P.E. referia que o Presidente da República padecia de "obstruções coronárias importantes" que ontem "foram tratadas (...) com sucesso e sem complicações", prevendo-se "uma recuperação total em prazo muito curto, com retoma da atividade normal no próximo fim de semana".

Este comunicado foi subscrito por uma equipa médica composta por Manuel Almeida, cardiologista de intervenção, Victor Machado Gil, cardiologista assistente, Miguel Mendes, diretor do serviço de cardiologia Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, e por Daniel de Matos, médico de Marcelo Rebelo de Sousa na Presidência da República, que assina como médico assistente.

[Notícia atualizada às 13h00

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório