Meteorologia

  • 18 NOVEMBRO 2019
Tempo
11º
MIN 9º MÁX 15º

Edição

Tribunais e Banco de Portugal cortam nas comunicações em papel

Cerca de 50 mil comunicações anuais realizadas em papel entre os tribunais e o Banco de Portugal (BdP) passaram a ser realizadas eletronicamente.

Tribunais e Banco de Portugal cortam nas comunicações em papel

Desde a passada terça-feria, dia 15 de outubro, que os tribunais enviam de forma desmaterializada comunicações para o Banco de Portugal, "no âmbito dos processos regulados pelo Código da Insolvência e da Recuperação de Empresas", informou hoje o Ministério da Justiça através de uma nota enviada às redações

Através da capacidade de comunicação digital entre o Citius e a Central de Riscos de Crédito do Banco de Portugal, "passam a ser efetuadas por via eletrónica" as "cerca de 50 mil comunicações anuais realizadas em papel" entre os referidos organismos.

Para além desta forma de comunicação ser mais rápida, o Ministério aponta também como aspetos positivos a "eliminação dos custos postais associados, a libertação dos recursos de ambas as partes responsáveis pela elaboração e receção dessas comunicações, bem como do respetivo registo nos sistemas de informação, assegurando também maior qualidade e atualização da informação", pode ler-se ainda no referido comunicado.  

Esta medida do Plano de Ação Justiça Mais Próxima, do Programa Simplex+, é uma das iniciativas levadas a cabo pelo o Governo com vista a alcançar simplificação procedimental e a desmaterialização de comunicações entre os tribunais e outras entidades. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório