Meteorologia

  • 21 NOVEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 16º

Edição

Instituto contraria Fenprof. Só formações obrigatórias têm de ser grátis

O Instituto de Avaliação Educativa (IAVE) rejeitou hoje as críticas da Fenprof sobre ações de formação pagas, afirmando que apenas são cobradas as formações que não são obrigatórias para os docentes.

Instituto contraria Fenprof. Só formações obrigatórias têm de ser grátis
Notícias ao Minuto

20:12 - 17/10/19 por Lusa

País FENPROF

A Federação Nacional de Professores (Fenprof) criticou hoje o IAVE por cobrar aos professores pela frequência de ações de formação contínua, acusando-o de "mercantilização da formação".

Em resposta à Lusa, a assessoria de imprensa do IAVE esclareceu que a formação atualmente disponível, e pela qual estão a ser cobrados 75 euros a cada docente, tem um caráter "muito específico e técnico", incidindo sobre instrumentos de avaliação, mas sobretudo não tem caráter obrigatório, pelo que o instituto não encontra fundamento para as críticas da federação de professores.

A Fenprof criticou que o IAVE, um instituto público tutelado pelo Ministério da Educação, estivesse a cobrar por ações de formação a professores, acusando-o de "mercantilizar a formação", uma situação que para o dirigente da federação de professores coloca "um problema ético".

No entanto, o IAVE garante que todas as formações obrigatórias para os docentes são gratuitas, acrescentando que esta, de caráter facultativo, apesar do custo associado teve bastante procura.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório