Meteorologia

  • 12 NOVEMBRO 2019
Tempo
12º
MIN 12º MÁX 18º

Edição

Vias do IC16 encerradas desde final de 2018 vão continuar fechadas

As duas vias do IC16 no sentido Pontinha-Belas, distrito de Lisboa, fechadas ao trânsito desde o final de 2018 devido a um abatimento de terras só vão ter obras no final do primeiro trimestre de 2020, foi hoje anunciado.

Vias do IC16 encerradas desde final de 2018 vão continuar fechadas
Notícias ao Minuto

17:23 - 17/10/19 por Lusa

País Estradas

Numa resposta à agência Lusa, a Infraestruturas de Portugal (IP) adiantou também estar a desenvolver "uma solução que permita a abertura, ainda este ano, de mais uma via no sentido Pontinha-Belas".

O trânsito no Itinerário Complementar (IC) 16, estrada que liga Sintra a Lisboa, ficou condicionado em meados de dezembro de 2018 devido a um abatimento de terras ao quilómetro 2,9, na zona de Belas, no concelho de Sintra, e desde então só se circula em uma das três faixas no sentido Pontinha-Belas.

Durante cerca de três semanas, o trânsito nos dois sentidos só se fez em uma das três faixas, reabrindo no início de janeiro de 2019 as três vias no sentido Belas-Pontinha.

A Infraestruturas de Portugal adiantou que procedeu ao lançamento do concurso para empreitada de substituição da passagem hidráulica existente ao quilómetros 2,9 do IC16, publicado em 04 de outubro em Diário da República.

De acordo com a nota da IP, a obra tem um preço base de 850 mil euros e um prazo de execução estimado de 170 dias, decorrendo agora a fase de receção das propostas a concurso, "sendo a expectativa poder dar início aos trabalhos até ao final do primeiro trimestre de 2020".

Segundo a IP, quando foi detetada a existência de uma deformação no pavimento ao quilómetro 2,9 do IC16, a empresa "procedeu ao condicionamento da circulação, por forma a garantir as condições de segurança e de circulação dos automobilistas".

"Complementarmente, e em articulação com o LNEC (Laboratório Nacional de Engenharia Civil), foram sendo executados trabalhos cautelares de estabilização da passagem hidráulica. Estas intervenções permitiram assegurar as condições de circulação nas três vias existentes, no sentido Belas-Pontinha e, através de uma via, no sentido Pontinha-Belas", indicou a empresa.

De acordo com a IP, os procedimentos de "inspeção, análise e monitorização topográfica do local tiveram início também de imediato", salientando que a monitorização em "permanência no local teve como objetivo perceber a extensão dos danos e a sua evolução, apurar as causas e recolher os dados necessários para a elaboração de uma solução definitiva que possibilite a reposição das condições de circulação".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório