Meteorologia

  • 24 NOVEMBRO 2020
Tempo
11º
MIN 9º MÁX 18º

Edição

As imagens do último adeus a Diogo Freitas do Amaral

Personalidades de diversos quadrantes políticos prestaram a sua última homenagem ao fundador do CDS.

As imagens do último adeus a Diogo Freitas do Amaral

Diogo Freitas do Amaral morreu, na quinta-feira, aos 78 anos.

Para a história ficam as memórias daquele que foi o fundador do CDS-PP, vice-primeiro-ministro, primeiro-ministro interino e ministro em vários governos.

Nascido na Póvoa de Varzim, Freitas do Amaral foi professor universitário e integrou os governos da Aliança Democrática (1979-1983) e do Partido Socialista (2005-2006) - este último depois de ter abandonado o CDS em 1992.

Antes de ser hospitalizado, em setembro, Diogo Freitas do Amaral lançou (em junho) o seu terceiro livro de memórias políticas a que deu o nome de ‘Mais 35 Anos de Democracia – Um Percurso Singular’.

A obra, editada pela Bertrand, abrange o período entre 1982 e 2017 e contou com a presença do Presidente da República na sua apresentação.

Tanto na sexta-feira como este sábado, centenas de pessoas quiseram despedir-se daquele que foi também presidente da Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas, em 1995.

As imagens do último adeus estão disponíveis na galeria acima.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório