Meteorologia

  • 21 NOVEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 16º

Edição

Preventiva para dois dos quatro detidos em Sines por tráfico de droga

O Tribunal Judicial de Setúbal decretou hoje a prisão preventiva de dois dos quatro homens detidos na quinta-feira em Sines por suspeitas de tráfico de droga, disse à agência Lusa fonte da GNR.

Preventiva para dois dos quatro detidos em Sines por tráfico de droga
Notícias ao Minuto

20:08 - 27/09/19 por Lusa

País GNR

A mesma fonte indicou que o tribunal decretou a prisão preventiva, a medida de coação mais grave, de dois homens, que ficam a aguardar julgamento no Estabelecimento Prisional de Setúbal.

Os outros dois suspeitos, também detidos na quinta-feira, durante a operação da GNR, ficam sujeitos a apresentações periódicas na força de segurança da área de residência, de acordo com a fonte da Guarda Nacional Republicana.

O interrogatório judicial dos suspeitos, com idades entre os 24 e os 30 anos, decorreu hoje no Tribunal Judicial de Setúbal.

Os quatro homens, suspeitos de tráfico de droga, foram detidos pela GNR em Sines (Setúbal), tendo os militares apreendido 4.547 doses de estupefacientes, foi hoje revelado.

O Comando Territorial de Setúbal da GNR, em comunicado enviado à agência Lusa, explicou que os suspeitos foram detidos "em flagrante delito", na quinta-feira, numa operação realizada pelo Núcleo de Investigação Criminal de Santiago do Cacém.

"Na sequência de uma investigação, foi possível efetuar a detenção dos quatro suspeitos, em flagrante delito, numa zona florestal perto de Sines, local já referenciado pela prática deste tipo de ilícito criminal", destacou a GNR.

Segundo a mesma fonte, os homens foram detidos "no momento em que se encontravam na posse do produto estupefaciente".

A operação culminou com a apreensão das 4.547 doses de droga, das quais 4.080 de heroína e 467 de cocaína, precisou a força de segurança, acrescentando que os militares apreenderam ainda cinco telemóveis, uma faca e 623 euros em numerário.

A ação policial que permitiu deter os quatro homens contou com a colaboração dos Postos Territoriais de Sines, de Santiago do Cacém e de Cercal do Alentejo, indicou a GNR.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório