Meteorologia

  • 14 DEZEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

Justiça procura médico condenado por violação nos Açores

Tribunal de Ponta Delgada emitiu mandado de detenção para o médico cubano, acusado de violar várias doentes no serviço de urgências de uma unidade hospitalar da ilha de São Miguel.

Justiça procura médico condenado por violação nos Açores

O Tribunal de Ponta Delgada, na ilha São Miguel, emitiu um mandado de detenção para o médico Aliesky Aguilera Valdes, condenado a cinco anos de prisão efetiva por cinco crimes de violação, cometidos nas urgências de uma unidade hospitalar açoriana.

De acordo com o jornal Açoriano Oriental, a decisão de emitir os mandados de detenção visa garantir o cumprimento da pena de prisão aplicada ao médico cubano, que se encontra, neste momento em “local desconhecido”.

Aliesky encontrava-se liberdade a aguardar a conclusão do processo, cuja decisão transitou, entretanto, em julgado. Desde que o conselho disciplinar regional Sul da Ordem dos Médicos tinha suspendido preventivamente o médico, por seis meses, entre 1 de abril e 30 de setembro de 2019, que não se conhece o local de residência ou trabalho do médico.

Recorde-se que o Tribunal de Ponta Delgada deu como provado que Aliesky Aguilera Valdes cometeu cinco crimes de violação contra doentes, no interior do Serviço de Urgências do Hospital Divino Espírito Santo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório