Meteorologia

  • 20 OUTUBRO 2019
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 18º

Edição

Detida mulher que raptou filho de instituição em Almada

Bebé foi encontrado com um ferimento na face.

Detida mulher que raptou filho de instituição em Almada

A mulher, suspeita de ter "subtraído" o filho, de 1 ano, de uma instituição de Almanda, onde este se encontrava por decisão judicial, foi detida na madrugada desta quarta-feira, pela PSP.

Num comunicado enviado ao Notícias ao Minuto, a PSP conta que, pelas 17h45 desta terça-feira, dia 17 de setembro, a Esquadra do Laranjeiro recebeu a denúncia que uma mulher acabava de subtrair o seu filho menor da instituição onde este encontrava por decisão judicial. De imediato foram deslocados meios para o local e iniciadas diligências para localizar e intercetar a suspeita. Algo que acabou por acontecer pelas 4h00 de hoje.

Das informações recolhidas junto da instituição onde o menor se encontrava e de conhecidos, as autoridades apuraram que "a progenitora não tinha residência certa, consumia estupefacientes e denotava alguns problemas do foro psicológico, existindo a possibilidade desta colocar em causa a vida e integridade física do menor".

A suspeita acabou por ser localizada, junto com o menor, no Hospital D. Estefânia. O bebé foi encontrado com um ferimento ligeiro na face, não se conhecendo para já a origem do mesmo. O menino ficou internado no hospital para observação, mas não corre perigo de vida.

Já a progenitora foi detida e será presente ao Ministério Público do Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa Unidade Central de Almada.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório