Meteorologia

  • 08 DEZEMBRO 2019
Tempo
17º
MIN 12º MÁX 17º

Edição

Ex-secretária da APIM acusada de desviar 85 mil euros

Uma ex-secretária da Associação Portuguesa da Indústria de Moagem e Massas (APIM) desviou quase 85 mil euros da instituição, em 2002 e 2003, adulterando os extratos bancários na tentativa de esconder os crimes, acusa o Ministério Público.

Ex-secretária da APIM acusada de desviar 85 mil euros

Segundo o processo, consultado hoje pela agência Lusa, os factos ocorreram a partir de 01 de abril de 2002 e determinaram o despedimento da mulher, por justa causa, em 23 de outubro de 2003, estando em causa a apropriação de 37 cheques no valor global de 84.465,95 euros, dos quais a arguida só veio a restituir 5.975,96 euros.

"A arguida apôs no verso dos cheques a sua assinatura, bem como rubricas como se fossem as dos legais representantes da APIM, criando assim um suposto endosso e conseguindo deste modo depositar as quantias nas suas contas", relata o Ministério Público.

"Por mais de uma vez furtou-se a ser interrogada, ausentando-se para parte incerta", anota ainda o Ministério Público, que dá conta da sua localização em Moçambique, na sequência da emissão de uma carta rogatória.

A mulher está acusada por um crime de furto qualificado, outro de abuso de confiança, um terceiro de burla qualificada e dois de falsificação de documento.

Para que nada se detetasse no imediato, "alterou diversos extratos bancários" da APIM. "Criou deste modo a aparência de que os cheques subtraídos (...) haviam sido depositados nas contas da associação", acrescenta.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório