Meteorologia

  • 19 AGOSTO 2019
Tempo
23º
MIN 20º MÁX 26º

Edição

Início do verão traz sol de pouca dura. Chuva regressa já amanhã

Meteorologistas prevêem chuva já a partir de esta tarde.

Início do verão traz sol de pouca dura. Chuva regressa já amanhã

Este sábado o sol ainda brilha, mas as previsões apontam para o regresso da chuva em algumas regiões já amanhã, domingo. O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) explica que neste início de verão, o estado do tempo no continente será condicionado pela aproximação e passagem de ondulações frontais até terça-feira, dia 25.

A partir do final da tarde de este sábado, dia 22 de junho, prevê-se períodos de chuva no litoral a norte do Cabo Mondego, estendendo-se às restantes regiões do Norte e Centro a partir da manhã de domingo, refere o IPMA através de comunicado.

Para dias 24 e 25, prevê-se também a possibilidade de ocorrência de precipitação na região Sul. A partir de quarta-feira, dia 26, prevê-se a diminuição da probabilidade de ocorrência de precipitação.

Durante o dia de hoje, as temperaturas máximas estarão próximas dos valores médios para o mês de junho, prevendo-se valores entre 20 e 25°C na faixa costeira ocidental, podendo chegar a valores de 30/35 °C nas regiões do interior.

Contudo, os meteorologistas apontam para a descida da temperatura máxima para valores entre 20 a 25°C na generalidade do território, atingindo valores entre 25 a 30°C no interior da região Sul e Beira Baixa. Situação que voltará a mudar a partir de dia 25, prevendo-se novamente uma subida gradual da temperatura máxima em todo o território.

Nível de incerteza elevado 

O IPMA sublinha que, em geral, “as previsões meteorológicas para os meses seguintes [julho e agosto] têm baixo grau de confiança”. Em particular, para a Península Ibérica, as previsões para os meses de julho e agosto de 2019 não apresentam qualquer sinal para a precipitação.

Para a temperatura do ar, as previsões apresentam um sinal forte para a Europa de leste, o que não acontece para a Europa Ocidental, onde o nível de incerteza é elevado. Assim, dá conta o IPMA, “na Europa de leste há tendência para temperaturas acima do normal nos próximos dois meses, em particular para o mês de julho”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório