Meteorologia

  • 22 NOVEMBRO 2019
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 18º

Edição

Falta de combustíveis: Redes sociais começam a abastecer-se de memes

Está com o depósito na reserva? Tente relaxar e rir-se da situação.

A crise nos combustíveis, decorrente da greve dos motoristas de substâncias perigosas, está a parar o país, mas não o humor. Em muitos postos de abastecimento (os que ainda não encerraram) as filas de carros denunciam um certo desespero. Mas, nas redes sociais, o tema faz rir.

A título de exemplo, “troco 5l de gasolina por um T3 no Saldanha”, numa alusão a uma outra crise, a do imobiliário.

Há quem troque o anel de noivado por um jerrican num pedido de casamento.

Numa outra imagem, que circula nas redes sociais, brinca-se com a distância em que pode encontrar um posto de abastecimento. Da Repsol, a 2 km, mas com combustível "completamente esgotado", da BP a 43 km ("talvez, mas não é certo" e, finalmente da Galp, a 84km ("mas com o que têm no depósito não chegam lá", avisa-se). 

Se quiser saber onde ainda é possível abastecer, pode fazê-lo aqui.

Recorde-se que na sequência da greve dos motoristas que transportam matérias perigosas, o abastecimento de combustíveis tem estado comprometido, levando a que algumas bombas gasolinas encerrassem por falta de combustível. A situação levou a que muitos condutores quisessem abastecer, provocando longas filas nos postos onde ainda é possível fazê-lo.

Esta manhã, no debate quinzenal, António Costa admitiu alargar os serviços mínimos, decretados já em Lisboa e no Porto, a mais zonas do país. 

A greve nacional dos motoristas de matérias perigosas, que começou às 00h00 de segunda-feira, foi convocada pelo Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP), por tempo indeterminado, para reivindicar o reconhecimento da categoria profissional específica. Após a requisição civil, os militares da GNR mantiveram-se de prevenção em vários pontos do país para que os camiões com combustível pudessem abastecer e sair dos parques sem afetarem a circulação rodoviária.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório