Meteorologia

  • 21 JULHO 2019
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 19º

Edição

Força Aérea admite ter entrado inadvertidamente no espaço aéreo finlandês

A tripulação do P-3C CUP, destacada na Polónia no âmbito da operação Assurance Measures da NATO, “não conseguiu evitar que o raio de volta ultrapassasse em cerca de 0,3 milhas náuticas (500 metros) o limite do espaço aéreo daquele país”.

Força Aérea admite ter entrado inadvertidamente no espaço aéreo finlandês

A Força Aérea portuguesa admitiu, esta terça-feira, ter entrado "inadvertidamente" no espaço aéreo da Finlândia e lamentou o sucedido, num comunicado enviado às redações.

De acordo com o mesmo documento, "ao final na manhã" desta segunda-feira, "durante uma missão que decorria no Mar Báltico, entre a Estónia e a Finlândia, a tripulação do P-3C CUP+ efetuou uma correção de rumo" e “não conseguiu evitar que o raio de volta ultrapassasse em cerca de 0,3 milhas náuticas (500 metros) o limite do espaço aéreo daquele país”.

A Força Aérea lamenta o sucedido e esclarece que "não se tratou de uma ação premeditada", mas sim de "uma consequência de uma manobra de voo".

Informa ainda a Força Aérea que esta informação já foi "transmitida às autoridades finlandesas".

Recorde-se que o ministro da Defesa Nacional já tinha explicado, esta terça-feira, que a Força Aérea portuguesa e as autoridades finlandesas estavam a investigar, em conjunto, a violação do espaço aéreo daquele país nórdico por um avião de vigilância português, depois de uma porta-voz da Defesa finlandesa ter denunciado o incidente.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório