Meteorologia

  • 16 OUTUBRO 2019
Tempo
18º
MIN 13º MÁX 21º

Edição

Sindicato pergunta a partidos o que vão fazer pelos professores

O Sindicato Independente de Professores e Educadores (SIPE) escreveu aos líderes do PSD, CDS-PP, PCP e BE a perguntar o que pretendem "fazer pelos professores na próxima legislatura", lembrando-lhes que já este ano há 100 mil votos em jogo.

Sindicato pergunta a partidos o que vão fazer pelos professores
Notícias ao Minuto

20:24 - 29/01/19 por Lusa

País SIPE

O envio de missivas exclui o PS, o partido do Governo, mas não os seus parceiros de maioria parlamentar, PCP e Bloco de Esquerda (BE), que têm sido críticos da ausência de uma solução para o problema da contagem do tempo de serviço congelado aos professores.

"Perante a ausência de diálogo efetivo por parte do Governo, no que respeita à recuperação do tempo de serviço congelado aos professores em nove anos, quatro meses e dois dias, o SIPE -- Sindicato Independente dos Professores e Educadores, enquanto representante da classe docente em Portugal, pretende saber qual o compromisso que o PSD, enquanto principal força da oposição, irá assumir na defesa dos direitos dos professores. Em ano de eleições legislativas, o Governo está a negligenciar não só mais de 100 mil professores, mas também os seus familiares e amigos, que reconhecem a injustiça a que a classe está a ser submetida", lê-se no ofício enviado ao presidente do PSD, Rui Rio, divulgado pelo SIPE.

Cartas em termos semelhantes foram enviadas para Assunção Cristas (CDS-PP), Jerónimo de Sousa (PCP) e Catarina Martins (BE).

O SIPE lembra que os professores, à semelhança do resto dos portugueses, foram obrigados a contribuir com "grandes sacrifícios" para a recuperação financeira do país, estimando em cerca de oito mil milhões de euros a contribuição dos professores para esse esforço.

"Agora, o país recuperou e os professores, tal como os restantes funcionários públicos, querem ser ressarcidos deste congelamento, neste caso, correspondente a nove anos, quatro meses e dois dias de tempo de serviço efetivamente prestado para efeitos de futura progressão na carreira. Perante este cenário, e tendo em conta que há mais de 100 mil votos em jogo em ano de eleições, impõe-se a pergunta: O que vai o PSD fazer pelos professores na próxima legislatura?", questiona o SIPE.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório