Meteorologia

  • 17 DEZEMBRO 2018
Tempo
MIN 6º MÁX 7º

Edição

Greve dos técnicos de diagnóstico com adesão acima dos 85% em Coimbra

A greve dos técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica realizada na quarta-feira e hoje teve uma adesão acima dos 85% nas unidades hospitalares de Coimbra, disse à agência Lusa fonte sindical.

Greve dos técnicos de diagnóstico com adesão acima dos 85% em Coimbra
Notícias ao Minuto

20:06 - 06/12/18 por Lusa

País saúde

Segundo Célia Rodrigues, do Sindicato dos Técnicos Superiores de Diagnóstico e Terapêutica, a adesão foi muito elevada no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), Instituto Português de Oncologia de Coimbra e Instituto Português do Sangue e Transplantação.

"Na quarta-feira, os laboratórios de análises clínicas e os serviços de fisioterapia e cardiopneumologia tiveram uma adesão de 100% e o serviço de radiologia registou uma taxa de 95%", disse a dirigente sindical.

Estava prevista para hoje, entre as 18:00 e as 21:00, uma manifestação dos técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica junto à entrada principal do CHUC, que acabou por ser desmarcada.

A greve dos técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica, a quinta este ano, arrancou às 00:00 de quarta-feira com uma "paralisação total do trabalho" até às 24:00 de hoje, sendo assegurados "apenas os serviços mínimos previstos na lei".

A paralisação irá decorrer durante todo o mês de dezembro, em dias intercalados, em defesa da conclusão do processo negocial de revisão e regulamentação das carreiras dos Técnicos Superiores de Diagnóstico e Terapêutica (TSDT).

Os profissionais exigem que o Governo aceite as propostas dos sindicatos de tabela salarial, que concorde com as regras de transição propostas pelos sindicatos, que incluam a colocação dos trabalhadores nas três novas categorias da carreira revista e o "correto descongelamento das progressões" dos profissionais, independentemente do vínculo laboral.

Os TSDT são constituídos por 19 profissões e abrangem áreas como as análises clínicas, a radiologia, a fisioterapia, a farmácia, a cardiopneumologia, entre outras, num total de cerca de 10 mil profissionais em exercício nos serviços públicos de saúde.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório