Meteorologia

  • 15 DEZEMBRO 2018
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 14º

Edição

Fármacos fazem 30 reações graves por dia. Infarmed tranquiliza população

Nos primeiros seis meses do ano, número de reações graves a medicamentos quase duplicou quando comparado com o mesmo período do ano passado. Infarmed garante que segurança e qualidade dos fármacos não estão em causa.

Fármacos fazem 30 reações graves por dia. Infarmed tranquiliza população
Notícias ao Minuto

14:53 - 19/11/18 por Notícias Ao Minuto 

País Saúde

Na primeira metade do ano, foram registadas em média 30 reações graves por dia a medicamentos. Face aos dados, a autoridade portuguesa do medicamento tem uma mensagem de tranquilidade, garantindo que não está em causa a segurança e a qualidade dos medicamentos.

Segundo a presidente do Infarmed, Maria do Céu Machado, o que aumentou este ano foi o número de queixas, fazendo com que o número de casos tenham quase duplicado quando comparado com o mesmo período do ano passado. E por isso, defende em declarações à RTP, não há motivos para preocupações.

Maria do Céu Machado reagia assim aos dados conhecidos esta segunda-feira e divulgados pelo Jornal de Notícias que apontam para o aumento do número de reações graves aos medicamentos.

O consumo abusivo de medicamentos e a debilidade física são os fatores que justificam a maior parte das reações em idosos, sendo os tratamentos inovadores oncológicos os responsáveis por uma boa parte dos casos reportados ao Infarmed na primeira metade do ano. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório