Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2018
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 16º

Edição

Ganhou medalhas nos Paralímpicos e ateou fogos por "5 euros e sandes"

Quando se assinalou o primeiro aniversário dos incêndios que, em outubro do ano passado, devastaram a zona centro, incluindo o histórico Pinhal de Leiria, tirando a vida a 50 pessoas e ferindo outras tantas dezenas, a SIC conversou com dois incendiários que estão a cumprir pena de prisão efetiva.

Ganhou medalhas nos Paralímpicos e ateou fogos por "5 euros e sandes"
Notícias ao Minuto

10:50 - 17/10/18 por Notícias Ao Minuto 

País Reportagem

Os dois reclusos, recolhidos na cadeia de Santa Cruz do Bispo, em Matosinhos, fazem parte das 136 pessoas suspeitas e condenadas por crimes de incêndio florestal e das 20 consideradas inimputáveis – na prisão de Matosinhos há oito reclusos com esta definição.

Às câmaras da SIC, Samuel contou que lhe pediam para atear fogos, mas nem sempre foi assim. Em 2007, Samuel conquistou duas medalhas nos Jogos Paralímpicos de Xangai, em provas de natação, mas depois tudo mudou.

“’Samuel preciso de um favor teu: vai botar um incêndio no pinhal assim e assim’ e lá ia eu”, contou o próprio à jornalista da SIC, acrescentando que em troca do favor davam-lhe “cinco euros e duas sandes”.

Samuel diz-se agora “bem arrependido”, pois admite que “podia matar pessoas, dar cabo de casas, matar animais”.

O caso de Cristiano é diferente, pois as suas idas à prisão começaram quando tinha 19 anos. À SIC, Cristiano confessou ter ateado um incêndio num “pinhal vizinho à casa” da mãe e tudo por “vingança” e atira culpas ao álcool, ao fascínio que sente pelo fogo e pela confusão que se gera com bombeiros de um lado para o outro a fazer frente às chamas.

Tendo em conta a sua deficiência, houve quem lhe pagasse 500 euros para atear um incêndio. “Quem me pagou está do lado de Espanha”, garante, revelando que se trata de um madeireiro.

Ao fim de mais de 25 anos, Samuel não quer sair da prisão. Ali está longe do álcool e pode exercer a sua profissão à mesma: ser pastor de ovelhas.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório