Meteorologia

  • 07 DEZEMBRO 2021
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

Militares da GNR agredidos tiveram de pagar tratamento hospitalar

De acordo com comunicado enviado às redações, a ASPIG faz saber que foram agredidos três militares da GNR do Fundão.

Militares da GNR agredidos tiveram de pagar tratamento hospitalar

Este fim de semana, três militares do Posto Territorial da GNR do Fundão foram agredidos por vários indivíduos da sociedade civil no decurso do desempenho das suas funções. A garantia é da Associação Socio-profissional independente da Guarda (ASPIG), um sindicato da Guarda Nacional Republicana, em comunicado enviado à redação do Notícias ao Minuto

Refere ainda a força sindical que as vítimas tiveram de pagar a taxa moderadora imposta pela unidade de saúde para receberem tratamento hospitalar. Face a estas circunstâncias, a ASPIG “reitera a manifestação da sua preocupação com o aumento exponencial de agressões contra militares da Guarda Nacional Republicana e, quando estas ocorrem, com a falta de apoio aos militares vítimas das agressões”, pode ler-se na mesma nota.

Na opinião da ASPIG, “esta tipologia de crimes reveste-se de melindres particulares uma vez que constitui – para além de atentados à integridade física e à vida dos elementos das forças de segurança - ofensas diretas à sociedade e aos seus órgãos”.

A ASPIG “continua a entender que as agressões aos elementos das forças de segurança devem ser analisadas à luz de novas realidades”, apesar de, para tal, “terem de ser repristinadas normas sancionatórias mais severas, como a suspensão de direitos, caução de boa conduta, liberdade vigiada, limites das penas, etc.”, remata o sindicato.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório