Meteorologia

  • 11 MAIO 2021
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 19º

Edição

Refugiados recusam-se a sair da Bobadela

Dezasseis dos vinte refugiados reinstalados em Portugal, na sequência de um pedido do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), recusam-se a abandonar o Centro de Acolhimento da Bobadela, informou hoje o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

Refugiados recusam-se a sair da Bobadela

Segundo um comunicado do SEF, dezasseis refugiados recusam-se a abandonar o Centro da Bobadela e a transitar para a segunda fase do projeto, que implica a sua deslocação para fora de Lisboa.

A segunda fase do projeto está a cargo do Instituto da Segurança Social e de outras entidades parceiras, e prevê a integração dos refugiados em diversas localidades, a fim de ser potenciada a sua inclusão na sociedade portuguesa.

No âmbito de um pedido do ACNUR, Portugal recebeu, no final de 2012 e no início de 2013, um grupo de 20 cidadãos estrangeiros já com estatuto de refugiado, provindos de campos situados na Tunísia e no Egipto, que foram os seus primeiros países de acolhimento.

O acolhimento em Portugal incluiu um projeto de integração, composto por duas fases, que teve colaboração de diferentes entidades parceiras entre as quais o SEF, o Instituto da Segurança Social, o Instituto de Emprego e Formação Profissional, o Alto Comissariado para a Imigração e Minorias Étnicas, a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e o Conselho Português para os Refugiados.

A primeira fase do projeto de integração decorreu até agosto último e caracterizou-se pelo acolhimento a cargo do Conselho Português para os Refugiados, tendo os refugiados reinstalados beneficiado do apoio de uma equipa multidisciplinar, incluindo aulas de português.

Concluída a primeira fase do projeto, e após a realização de entrevistas individuais com técnicos da Segurança Social, a fim de ser gizado o projeto individual, quatro dos refugiados anuíram e já se encontram nos locais escolhidos para prosseguir a segunda fase do projeto de integração, mas os restantes dezasseis recusam-se a sair do Centro de Acolhimento da Bobadela.

Segundo o SEF, as entidades parceiras do projeto continuam a envidar todos os esforços, através de ações de sensibilização, para que aqueles dezasseis refugiados possam reconhecer a importância de acolher a segunda fase do projeto e prosseguir a sua integração em Portugal e continuem a beneficiar da proteção e assistência do Estado português.

A Lusa aguarda esclarecimentos suplementares que pediu ao SEF.

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2021 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório