Meteorologia

  • 21 NOVEMBRO 2018
Tempo
13º
MIN 13º MÁX 13º

Edição

Marcelo condecora trabalhador da OGMA com a Ordem de Mérito

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, condecorou hoje com a Medalha da Ordem de Mérito um trabalhador fabril, João Cera, 87 anos, antigo funcionário da OGMA -- Indústria Aeronáutica de Portugal.

Marcelo condecora trabalhador da OGMA com a Ordem de Mérito
Notícias ao Minuto

15:13 - 29/06/18 por Lusa

País Presidente

Ao participar nas comemorações do centenário da empresa, em Alverca, o Presidente afirmou que decidiu prestar homenagem aos trabalhadores, condecorando o funcionário mais antigo que passou pela OGMA.

"Olhei para a lista dos condecorados no nosso país e verifiquei que mais depressa encontramos responsáveis políticos, administrativos, empresariais, intelectuais, culturais e que muito raramente encontramos trabalhadores", justificou.

"Antes de daqui a meses condecorar a OGMA, entendi que primeiro devia condecorar um trabalhador da OGMA. Por uma vez, haveria um trabalhador fabril condecorado pelo Presidente da República", disse.

Em declarações à agência Lusa, João Cera contou que começou a trabalhar na OGMA aos 12 anos, seguindo os passos do pai. "Tenho muita honra de ter trabalhado nesta casa".

"Aprendi sem vencimento e saí no topo da escala", disse, orgulhoso, depois de partilhar com os colegas a distinção: "Isto é para todos vós, não é meu".

No final da cerimónia recordou com os jornalistas as memórias de aprendiz e de décadas de trabalho nas oficinas.

Emocionado, confessou que não esperava acabar condecorado por um Presidente da República.

Marcelo Rebelo de Sousa, por seu lado, destacou que a empresa sobreviveu, década após década, aos diferentes regimes por ser "uma instituição ao serviço de Portugal".

O futuro, garantiu, passa pela continuidade e reforço da parceria com a brasileira EMBRAER.

"Estamos para durar nesta parceria, as nossas Forças Armadas, a nossa Força Aérea, a EMBRAER, aqui estão juntas, fazendo o melhor, da melhor forma, com excelência", declarou.

O presidente destacou o "peso e prestígio" nas várias missões internacionais e referiu para um futuro próximo, "de um modo prudente, mas determinado", um reforço de capacidades.

A OGMA, que hoje comemora 100 anos é detida em 65% pela Airholding SGPS (100% EMBRAER) e em 35% pela Empordef (100% Estado Português).

Nas celebrações participou também o ministro da Defesa Nacional, Azeredo Lopes, e o secretário de Estado, Marcos Perestrello.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório