Meteorologia

  • 20 AGOSTO 2018
Tempo
28º
MIN 26º MÁX 30º

Edição

Cruz Vermelha pede atenção mediática para as crises humanitárias

A Cruz Vermelha Portuguesa apelou hoje à comunicação social para substituir, no final do Campeonato do Mundo, a informação sobre futebol por programas que alertem para as "contínuas crises humanitárias" no mundo, que são "verdadeiramente desumanas e intoleráveis".

Cruz Vermelha pede atenção mediática para as crises humanitárias
Notícias ao Minuto

12:00 - 14/06/18 por Lusa

País Proposta

Atendendo às constantes catástrofes naturais e à "evolução preocupante do processo de alterações climáticas", a Cruz Vermelha propõe que, depois de terminado o Campeonato do Mundo de Futebol, "os órgãos de comunicação social, durante uma semana, reduzam ou interrompam os programas televisivos, radiofónicos e as matérias de imprensa escrita sobre futebol profissional e os substituam por conteúdos referentes à atividade humanitária, à promoção da saúde pública e ambiental, bem como à inclusão social (em Portugal e no Mundo)".

"Trata-se de um apelo da Cruz Vermelha Portuguesa à comunicação social, porque são contínuas as crises humanitárias que ocorrem no Mediterrâneo, no Médio Oriente, em África, em todo o mundo, com situações verdadeiramente desumanas, intoleráveis, até porque são evitáveis", disse à agência Lusa o presidente da organização, Francisco George.

A Cruz Vermelha Portuguesa reconhece o interesse que os temas desportivos despertam na maioria dos portugueses e "o papel principal que a Federação tem desempenhado", mas acredita que estas propostas signifiquem "uma tomada de consciência, a título simbólico e experimental, e uma vontade de trabalhar em conjunto para construir um país e um mundo mais unidos em torno dos direitos humanos".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.