Meteorologia

  • 27 MAIO 2019
Tempo
17º
MIN 14º MÁX 21º

Edição

Morreu Winnie Mandela

Esteve casada com Nelson Mandela durante 38 anos e foi uma das grandes ativistas anti-apartheid.

Morreu Winnie Mandela
Notícias ao Minuto

15:06 - 02/04/18 por Fábio Nunes com Lusa 

Mundo Óbito

Winnie Mandela morreu esta segunda-feira aos 81 anos no hospital de Milkpark de Joanesburgo, na África do Sul. A notícia está a ser avançada pela Sky News que cita o seu assistente pessoal, Zodwa Zwane. A família diz que Winnie morreu de forma "pacífica" depois de uma longa batalha contra doença. 

Os familiares acrescentam que a antiga primeira-dama sul-africana "entrou e saiu do hospital desde o início do ano".

"Lutou corajosamente contra o apartheid e sacrificou a sua vida pela liberdade do país. Manteve viva a memória do marido, Nelson Mandela, enquanto esteve preso em Robben Island e ajudou a dar à luta pela justiça na África do Sul uma das suas faces mais reconhecíveis", afirmou um porta-voz da família.

Winnie Mandela foi casada com Nelson Mandela durante 38 anos. Durante grande parte do seu casamento, Nelson Mandela esteve preso. 

Winnie lutou de forma exaustiva pela libertação do seu marido. Em 1994, com a eleição de Nelson Mandela como presidente da África do Sul, Winnie tornou-se a primeira-dama daquele país.

Em 1996, Winnie e Nelson Mandela separaram-se. Nesta altura, já Winnie Mandela estava a braços com a justiça há alguns anos. Tinha sido condenada a seis anos de prisão em 1991 por ter ordenado o sequestro de quatro jovens em 1988. Um deles, James Seipei, de 14 anos, foi encontrado morto. Acabou por ver a sua pena reduzida a multas e a um ano de pena suspensa. 

Também esteve envolvida em escândalos de corrupção.

Em 1998, a Comissão de Verdade e Reconciliação, encarregada de julgar os crimes políticos no apartheid, considerou Winnie "politicamente e moralmente culpada de enormes violações dos direitos humanos".

Quando Madiba morreu em 2013, Winnie fez questão de estar ao pé de Graça Machel, a viúva de Mandela, junto ao caixão do antigo presidente da África do Sul.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório